Últimas notícias:

Loading...

A incrível Sardenha e os barcos mais luxuosos do mundo

Grande parte desses barcos pertencem a bilionários russos que invadiram a costa nordeste da ilha italiana

Por: Sandro Masseli, do blog Viver por Ar e Mar
Ouça este conteúdo

A Sardenha é considerada por muitos uma das ilhas mais bonitas do Mediterrâneo. Em nossa ainda pequena experiência por esses mares, temos que concordar com a fama, mas advertir que para muitos, a presença dos mega iates influencia bastante nessa escolha.

Crédito: @viverporaremar O veleiro Amazônia visto do alto

Para nós, que moramos a bordo e queremos tranquilidade, gostamos mesmo da água cristalina, das formações rochosas, da comida da ilha, o sorvete e as lindas ancoragens. Claro que também ficamos impressionados com esses barcos super luxuosos. A ostentação assusta, mas a estrutura dessas construções chama atenção pela engenharia.

Grande parte desses barcos pertencem a bilionários russos que invadiram a costa nordeste da ilha, e os arredores do arquipélago de Las Madalenas. Eles se encontram em Porto Cervo, a conhecida como a “Mônaco italiana”. Dois barcos estão sempre presentes por ali e disputam o título de maior ostentação. São eles o Dilbar, o mais luxuoso iate do mundo e o “A”, o maior e mais luxuoso veleiro do mundo.


#DicaCatraca: sempre lembre de usar a máscara de proteção, andar com álcool em gel, respeitar o distanciamento social e sair de casa somente se necessário! Caso pertença ao grupo de risco ou conviva com alguém que precise de maiores cuidados, evite passeios presenciais. A situação é séria! Vamos nos cuidar para sair desta pandemia o mais rápido possível. Combinado?


Crédito: @viverporaremar Isabela e Amazônia em Porto Pevero

No caso do veleiro “A”, projeto de um arquiteto francês, o Stark, ele é na verdade um ‘motor sail’, já que segundo consta, ele nunca veleja exclusivamente com as velas. Precisa sempre estar com os motores ligados. Além disso, toda a estrutura de luxo existente para receber apenas 20 hóspedes e com mais que o dobro de funcionários acaba colocando-o na categoria de iate com velas, ao invés do contrário.

Crédito: @viverporaremar O Veleiro Amazônia na Sardenha

O veleiro “A” pertence a um casal russo, que falamos nesse vídeo que produzimos no dia que fomos seu vizinho, na Cala Petra Ruja. Fizemos imagens com o drone e fomos pertinho com nosso bote de apoio, para conhecer essa estrutura gigantesca. As informações que tivemos sobre ele são assustadoras. Só para se ter uma ideia, o barco leva consigo um pequeno submarino, além de outros barcos que são do tamanho do nosso veleiro, só para que os hospedes possam chegar até a praia.

O barco foi fabricado por um estaleiro alemão e levou alguns anos até sua concepção, sendo por muito tempo um segredo. A obra de engenharia foi tão grandiosa que o projeto levou alguns anos até que encontrassem algum estaleiro que aceitasse construir e isso só foi possível após uma fusão de dois fabricantes. Se quiser saber mais, assista o vídeo que mostramos bastante coisa.

Além de ver esses por lá, é praticamente impossível não sair assustado com a ostentação dos inúmeros veleiros e lanchas milionárias que navegam por ali.

Confira mais em @viverporaremar ou no YouTube

Compartilhe: