Cinco destinos onde a festa é garantida no Carnaval

2016 chegou, mal terminamos a lista de promessas e resoluções para o Ano novo e já estamos quase comemorando o Carnaval, este ano ocorre entre os dias 5 e 9 de fevereiro. Não deu tempo ainda para pensar onde se divertir na festa mais animada do Brasil? Confira alguns dos destinos tradicionais onde a festa e a alegria são garantidas.

Rio de Janeiro (RJ)

Todo brasileiro deveria ver de perto o carnaval mais famoso do mundo pelo menos uma vez na vida. O desfile das Escolas de Samba do Grupo Especial na Sapucaí esbanja beleza, animação, produção e muita alegria. Você canta o samba-enredo junto com toda a arquibancada e cai no samba a noite inteira enquanto vê passar plumas, paetês, carros alegóricos incríveis e a contagiante bateria e só se dá conta que está cansado quando a última escola encerra o desfile do dia.

Ouro Preto (MG)

Mais de 80 mil pessoas sobem e descem as estreitas ladeiras de paralelepípedo de Ouro Preto acompanhando desfiles de blocos carnavalescos tradicionais, como o Zé Pereira dos Lacaios, fundado em 1867 e considerado o mais antigo do Brasil. O diferencial são as festas nas mais de 400 repúblicas estudantis da cidade universitária, que durante o evento também abrem as portas para hospedar turistas. Bailes à fantasia e desfile de escolas de samba também animam os foliões.

Santana de Parnaíba (SP)

Um dos carnavais mais tradicionais de São Paulo fica a 35 km da capital paulista. O Grito da Noite abre a festa na sexta-feira à noite, quando foliões vestem fantasias amedrontadoras e seguem o cortejo dançando pelas ruas do centro histórico ao som do Samba de Bumbo, com instrumentos musicais usados desde a época da escravidão, acompanhados dos cabeções, uma das mais legítimas representações da arte popular da cidade de origem africana. Nos outros dias, blocos de rua e bandas de marchinhas concentram a população na Praça da Bandeira. 

Salvador (BA)

Oficialmente a maior festa de rua do planeta, o carnaval de Salvador atrai mais de um milhão de turistas. A folia contagia o público que festeja ao som de trios elétricos puxados por bandas e cantores que você acompanha na rua ou de um camarote com a aquisição de um abadá, uma camiseta que lhe dá acesso a áreas exclusivas. Blocos afros e afoxés também desfilam pelas ruas da capital e têm profunda vinculação com os terreiros do candomblé, numa manifestação cultural e religiosa tradicional. Quem passa o carnaval na cidade ganha mais um dia de festa, na quarta-feira de cinzas acontece o lendário arrastão, um desfile que percorre o Farol da Barra até Ondina e termina na praia.

Olinda (PE)

Terceiro maior do Brasil depois de Salvador e Rio de Janeiro, o carnaval de Olinda atrai muitos artistas locais que passam o ano inteiro preparando um desfile de 560 blocos muito criativos. A principal atração são os bonecos gigantes que levam o nome da cidade. Os Bonecos de Olinda possuem mais de dois metros de altura, são muito coloridos e de fácil visualização no meio dos foliões. Os bonecos são confeccionados por meses, com corpos de madeira, cabeça de papel machê e roupa de pano, e dividem as ladeiras da cidade com os foliões ao som do maracatu. No final do evento, são colocados em exposição na Embaixada dos Bonecos Gigantes e podem ser visitados durante o ano.  

Por Adriana Lage,  do site  A Camminare

Em parceria com A Camminare

A Camminare é o espaço onde a jornalista e globetrotter Adriana Lage inspira o viajante a desbravar os melhores destinos da Terra. Hotéis, atrações, gastronomia, cultura, experiências e muito mais.

Compartilhe:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário A Camminare

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.