Entrevista com Monica Benicio: um ano de luta por Marielle

Monica Benicio não consegue se lembrar de quem era antes da noite do 14 de março de 2018. Naquele dia, esperava sua esposa, a vereadora Marielle Franco, em casa para jantar quando recebeu a notícia de que ela havia sido brutalmente assassinada no Estácio, região central do Rio de Janeiro.

Desde o crime, a ativista por direitos humanos abandonou praticamente todos seus projetos pessoais para se dedicar a um objetivo: cobrar justiça nas investigações sobre o crime. Monica conversou com a Catraca Livre pouco mais de 10 meses após o assassinato para falar sobre o andamento das investigações e o legado de luta deixado por Marielle. Assista ao vídeo.