Os melhores bares no Rio Vermelho em Salvador

Sabemos que, se tem muita opção boa, fica difícil de se decidir pra onde ir, não é? Colaí que a gente facilitou as coisas pra você!

Por: Publi
Todos os dias
Confira o horário de funcionamento de cada bar na programação

Escolher os melhores bares em Salvador é uma tarefa difícil. Tudo nesse paraíso baiano é perfeito: das praias à comida, das cadeiras de plástico dos bares no Rio Vermelho às ladeiras do Pelô.

Mas a gente pegou essa tarefa árdua, porque sabemos que, se tem muita opção boa, fica difícil de se decidir pra onde ir, não é?

chupito um dos bares no rio vermelho
Crédito: DivulgaçãoCom cadeira na rua, climatizado, na areia ou mais gourmet… qual a sua escolha?

Então fica relax, porque a gente fez esse roteiro (e muitos outros aqui neste link) para você curtir o que tem de bom no boêmio Rio Vermelho quando assunto é cerveja gelada e petisco barato.

Tem bar na rua, tem bar na areia. Mas o importante é que você não esqueça que: se beber, não inventa de pegar no volante, hein? Chama um 99 pra ter uma volta mais tranquila para casa. Ninguém merece perrengue depois de curtir um dia gostoso com a galera!

Colaí pra conferir as dicas:

Pequenininho, esse bar com clima de balada, luzes coloridas, globo espelhado e noites animadas por DJs, costuma ficar apinhado de gente, tanto que o público se espalha sem cerimônia pela calçada em frente.

A palavra chupito significa “bebida servida em copo de dose”, em espanhol, e essa ideia é justamente o que inspirou a criação do bar, que serve coquetéis e pequenas porções e lanches.

Chupito - Salvador rio vermelho
Crédito: Ligia Skowronski/VEJAO Chupito é um bar-balada intimista e animada com música eclética e festas temáticas, petiscos, ambiente descolado e animado

Em uma lista escrita a giz na parede, você encontra 26 tipos de chupitos, entre eles o gim Gordon’s, limão e gengibre, por exemplo. Mas se você quer pegar leve, a sugestão é o copinho preenchido com soda, curaçau blue e limão.

Onde: R. da Paciência, 263 – Rio Vermelho
Quando: quarta e quinta, das 20h às 2h; sexta e sábado, até às 4h; domingo, das 19h às 2h

  • Boteco do França

O Boteco do França é uma mistura de bar e restaurante.

Quem vai pra lá pode se espalhar nas mesinhas dispostas na viela, no salão, na área climatizada no térreo ou no segundo andar.

boteco do frança com cadeiras na viela do rio vermelho
Crédito: Fábio MarconiA Viela do Boteco do França é uma das mais cobiçadas entre os bares no Rio Vermelho

A dica é começar com ela, a famigerada cerveja, ou com drinques, como o Sacanagem, uma mistura de seriguela, cajá, umbu, morango, abacaxi e tangerina com vodca.

Entre os petiscos, os melhores da casa são a carne-de-sol acebolada, o escondidinho de camarão, e fazem sucesso também o quibe frito, servido com molho de pimenta e limão, e o filé aperitivo com molho de mostarda e pão torrado.

Onde: R. Borges dos Réis, 24 – Rio Vermelho
Quando: segunda a sábado, das 12h às 3h; domingo, até meia-noite.

Cuidado pra não confundir. Esse não é o mesmo lugar que o Boteco do França! Essa dica é pra quem curte um rolê mais gourmetizadoe e não abre mão de curtir os bares no Rio Vermelho.

Enquanto o Boteco do França tem cadeira na rua pra você tomar uma gelada, o Confraria abre para o almoço e jantar, e oferece serviço a la carte. São três ambientes, sendo um climatizado, outro com vista para a Praia do Rio Vermelho, além da tradicional Casa de Iemanjá.

salão do confraria do frança tem vista pra praia do rio vermelho
Crédito: DivulgaçãoAberto em 2012 no Rio Vermelho, o bairro mais charmoso e boêmio de Salvador, o Confraria do França reúne o melhor da gastronomia baiana e contemporânea

Quando for lá, não deixe de experimentar a famosa casquinha de siri e o tradicional arroz de polvo. Também é sempre uma boa pedida a porção de carne seca com purê de abóbora.

Onde: Travessa Lydio de Mesquita, 43 – Rio Vermelho
Quando: terça e quarta, das 11h30 a meia-noite; quinta a sábado, até às 2h; domingo, até às 18h

  • Porto Caymmi Bar 

O Porto Caymmi funciona na Praça Brigadeiro Faria Rocha, local que concentra uma boa quantidade de estabelecimentos gastronômicos e bares no Rio Vermelho.

Embalado pela recente reforma da praça onde está instalado, o bar aproveitou para renovar o fôlego e ampliar a carta de cervejas, além das tradicionais caipiroskas com frutas da estação.

Porto Caymmi bar
Crédito: Divulgação/Mastigando em SalvadorO Porto Caymmi é muito mais do que um Boteco e seus pratos chamam a atenção

O bar é bem arrumadinho e a decoração toda colorida! Nas paredes, alguns painéis com fotos da cidade e da cultura baiana acolhem os visitantes.

Pra comer ou beber, você pode escolher mesas na parte externa ou na parte interna, que é dividida em térreo e mezanino.

Entre os petiscos, experimente a costelinha à moda do porto, assada e regada com molho agridoce à base de catchup e mostarda! ;)

Onde: Praça Brigadeiro Faria Rocha, 237, Rio Vermelho
Quando: terça a quinta, e domingo, das 12h a meia-noite; sexta e sábado, até às 2h

Está pela praia e não quer sair? Não tem problema! Ali nas pedras que dão acesso à Praia do Buracão, o Blue Praia Bar é pra você!

A casa aposta em drinques como o pina ginger, que mistura vodca, gengibre, suco de abacaxi, cereja e cranberry, e o gim tônica, preparado com limão-siciliano, limoncello e zimbro. Coisa fina!

blue praia bar no rio vermelho
Crédito: DivulgaçãoEntre os bares no Rio Vermelho, o Blue Praia Bar é aquele rolê chique pra impressionar a família ou aquele contatinho ;)

Para comer, os pratos mais pedidos são a moqueca de peixe e camarão e a cataplana de frutos do mar, com lagosta, mexilhão, polvo e peixe.

Pra complementar, os caras tão sempre chamando alguém pra tocar uma musiquinha e animar o bronze do pessoal!

Onde: Rua Barro Vermelho, 310, Praia do Buracão, Rio Vermelho
Quando: segunda e quarta, das 10h às 18h; quinta a domingo, até às 23h

Quer mais dicas legais para explorar Salvador? Seus problemas acabaram: fica de olho aqui na Catraca Livre, que a gente tem roteiros incríveis para você colar com o seu 99, que garante a dupla imbatível preço e qualidade!

Quer mais dicas pra dar rolê em Salvador?

1
Almoço perfeito em BH no Mercado Novo
Que a comida mineira é uma delícia, todo mundo já sabe, mas almoço perfeito mesmo, é no Mercado Novo de …
2
Bar da Laje: a melhor vista do Rio de Janeiro
Colaí que hoje o passeio é lá no alto! Vamos subir o Morro do Vidigal para conferir tudo sobre o …
3
Ópera do Arame: símbolo emblemático de Curitiba
Entre lagos, vegetação típica e cascatas, numa paisagem singular, está a Ópera do Arame. Colaí que eu vou te contar porque …
4
Cisne Branco: Espaço cultural flutuante em Porto Alegre
Verdadeiro ícone de Porto Alegre, o barco Cisne Branco é referência quando se fala de rolê flutuante! Colaí pra navegar nessas …
5
As obras de Niemeyer espalhadas por BH
Você sabia que há várias obras de Niemeyer espalhadas por BH? Colaí que eu vou mostrar pra você!
6
Poço da Panela: um roteiro imperdível e relax no Recife
Pensando em roteiros diferentes e alternativos para curtir o Recife? Que tal conhecer o histórico bairro do Poço da Panela? …
7
O melhor acarajé de BH é na Feira Hippie
A Feira Hippie é a maior feira da América Latina! Lá você encontra de tudo, inclusive, o melhor acarajé de …
8
Um pulo na ponta do Humaitá e no Forte de Monte Serrat, em Salvador
Um dos lugares mais charmosos de Salvador, com privilegiada vista da Baía de Todos os Santos e um pôr de …