Maior ginásio de escalada da América do Sul fica na Pompeia

Casa de Pedra é o lugar para você praticar escalada em SP

Por: Alessandra Petraglia

Todos os dias

Segunda a sexta, das 6h às 23h; sábados, domingos e feriados, das 14h às 20h

R$ 55 a R$ 70 (a diária)

São Paulo é um grande mar de opções para quem quer se divertir, inclusive praticando esportes radicais sem precisar sair da cidade. No bairro da Pompeia, por exemplo, está localizado o maior ginásio de escalada da América do Sul: a Casa de Pedra.

O local é referência nacional e internacional no esporte, já que conta com 32 paredões de diferentes inclinações e graus de dificuldade. Ao todo são mais de 90 opções de trajetos para fazer escalando a uma altura máxima de 14 metros. Até no teto tem pedra para você se pendurar!

Qualquer um pode escalar? Sim! Do iniciante ao profissional, qualquer pessoa pode se aventurar nesse universo radical. A diferença é a modalidade e o grau de dificuldade da parede que você irá começar. As iniciais contam com menos inclinações e agarras (pedras salientes) maiores para você ganhar confiança e equilíbrio nos percursos. As mais avançadas podem conter grandes inclinações, como as paredes negativas.

Aventura com segurança

O top rope é a modalidade mais segura e praticada em ginásios, muito indicada para os iniciantes também. Ela é feita sempre em dupla, já que as cordas são fixadas no teto – o que reduz por completo as possibilidades de queda. Enquanto o escalador avança no percurso, a pessoa que fica no chão tem a responsabilidade de manter a corda sempre esticada, caso contrário o equipamento irá travar impedindo que o parceiro progrida.

A Casa de Pedra conta com todo o suporte para que você aprenda a escalar. Eles oferecem os equipamentos necessários para garantir a sua segurança, como as sapatilhas, a cadeirinha e o pó de magnésio, essencial para que suas mãos ganhe mais aderência às pedras. Instrutores também te auxiliam indicando os procedimentos para que você consiga dar seus primeiros passos confiante de que irá chegar até o ponto mais alto do desafio.

Quem quiser entrar nesse universo, pode comprar o ingresso diário que dá acesso a toda a estrutura de escalada do local (R$ 55). O aluguel dos equipamentos é cobrado à parte, sendo a cadeirinha o único obrigatório para praticar o esporte (R$ 10). Crianças também podem escalar, desde que acompanhadas por seus responsáveis.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Por: Alessandra Petraglia