Passaporte de Museus terá distribuição de nova tiragem em SP

Ele garante uma entrada Catraca Livre por tempo indeterminado em cada instituição presente no passaporte

Por: culturasp

Quem está à procura de passeios divertidos durante as férias de julho agora tem mais um incentivo para visitar museus. No sábado, dia 16, os museus da Secretaria da Cultura do Estado distribuirão exemplares do Passaporte dos Museus, que garante uma entrada Catraca Livre em cada instituição presente no caderninho e em qualquer dia da semana. A nova tiragem, de 20 mil exemplares, tem validade indeterminada.

Os 20 mil passaportes foram distribuídos entre as instituições proporcionalmente à média de público de cada uma delas aos sábados

O Passaporte funciona principalmente como uma peça lúdica de divulgação, que desperta a curiosidade do público e o estimula a conhecer os museus. A cada instituição visitada, a pessoa ganha a entrada grátis e um carimbo na página correspondente – como em um passaporte de verdade. O desafio é ganhar todos os carimbos. Quem quiser, pode até personalizar o seu exemplar escrevendo o nome e colando uma foto 3×4 cm.

Confira onde retirar o Passaporte dos Museus na cidade de São Paulo:

Atenção! Os 20 mil passaportes foram distribuídos entre as instituições proporcionalmente à média de público de cada uma delas aos sábados. O número é limitado e, por isso, a distribuição será realizada por ordem de chegada.

Férias nos museus

Os museus da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo prepararam uma programação especial para o mês de julho, repleta de oficinas, brincadeiras e contação de histórias, com atividades para crianças, adolescentes e adultos. Ao longo do mês, os eventos são destacados nas mídias sociais da Secretaria da Cultura do Estado, que convida os visitantes a registrarem suas visitas e publicarem nas mídias sociais com a hashtag #feriasnosmuseus.

Entre as atividades estão as oficinas de desenho do Museu da Casa Brasileira e do Museu de Arte Sacra, o Espaço Mundo de Brincar, no Museu da Imigração, e as Brincadeiras do Congo no Museu Afro Brasil. A programação completa pode ser conferida na plataforma SP Estado da Cultura, que reúne eventos de todo o estado – acesse em estadodacultura.sp.gov.br.