Conheça a Barra Funda: dicas de passeios para aproveitar a região

Memorial da América Latina foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer
Até
31
de agosto 2018
Diversos horários, dependendo da atração

Cidade

Por: Agência Fática | Comunicar erro

Aproveite a feira orgânica, o espaço de leitura, a festa, o parque de trampolins, a ópera e os teatros do bairro

O bairro da Barra Funda, nos arredores das estações Barra Funda e Marechal da linha Vermelha do metrô, foi criado no começo do século 20, a partir do retalhamento da Chácara do Carvalho, propriedade de Antônio da Silva Prado, primeiro prefeito de São Paulo. Apesar de ter repartido as suas terras, separou um pedaço de 100 mil metros quadrados para construir uma casa e criar cavalos puro-sangue.

Crédito: Divulgação Facebook @BoniConsiliiColégio Boni Consili, na Barra Funda

Projetada e construída pelo italiano Luigi Pucci, o mesmo que desenhou o Museu do Ipiranga, a propriedade tinha até um teatro onde se apresentaram orquestras e companhias dramáticas. Localizada na atual rua Barão de Limeira, 1379, a casa ainda existe, e abriga o colégio Boni Consili.

Foi com a industrialização e a passagem da ferrovia São Paulo Railway, que ligava São Paulo a Santos, que o bairro passou a misturar fábricas e moradias. Assim, proliferaram-se as vilas, as passagens, as vielas e os pátios.

Essa vocação mais industrial tornou a região uma das menos densas de São Paulo . Mas isso está mudando. Nas últimas décadas, a Barra Funda vem atraindo enormes condomínios residenciais, escritórios, bares, restaurantes, casas noturnas, teatros e galerias de arte.

O bairro, inclusive, foi escolhido como sede para diversas companhias teatrais, como Núcleo Experimental (Rua Barra Funda, 637), Cia da Revista (Alameda Nothmann, 11350), Cia. do Funil (Rua Lopes Chaves, 72), Cia Livre (Rua Conselheiro Brotero, 195), Circo di Sóladies (que ensaia em um galpão na Barra Funda) e outras.

Por isso, a Catraca Livre separou uma série de dicas para os mais diversos públicos – e para ninguém colocar defeito! Vamos lá?

  • 1. Parque da Água Branca: Espaço de Leitura

    Crédito: Divulgação Facebook @espacode.leituraLegenda: Reunião do clube de leitura no Parque da Água Branca

    Parque da Água Branca: Espaço de Leitura
    Rua Ministro Godói, 180 – Perdizes
    Horário: terça a domingo: das 9h às 18h
    Participação: gratuita

    Desde 2010, funciona no Parque da Água Branca o Espaço de Leitura, composto por uma série de casinhas temáticas que abriga livros de literatura infantil e infanto-juvenil. Há contos de fadas, histórias de monstros, livros para bebês, HQs… Uma grande diversidade que para ser acessada não precisa de nenhum tipo de cadastro ou documento.

    Todo sábado e domingo, às 11h, os educadores do local preparam atividades para o programa maiúsculos & MINÚSCULOS e todo sábado, às 15h, tem o EspaçoLab – oficinas direcionadas para crianças acompanhadas dos seus responsáveis que trazem outras formas de leitura. Além disso, todas as sextas-feiras, às 15h, acontecem os encontros do clube de leitura indicado para jovens e adultos.

  • 2. Parque da Água Branca: Feira Orgânica

    Crédito: Divulgação Facebook @aaorganicaLegenda: Feira Orgânica do Parque da Água Branca, na Barra Funda

    Parque da Água Branca: Feira Orgânica
    Avenida Francisco Matarazzo, 455 – Água Branca
    Horário: terças, das 7h às 12h e das 16h às 20h, aos sábados e domingos, das 7h às 12h
    Entrada: gratuita

    Para quem quiser uma alimentação delicinha e livre de agrotóxicos, é possível aproveitar a feira orgânica do Parque da Água Branca, organizada pela Associação de Agricultura Orgânica.  Além da grande variedade de geleias, pimentas, legumes e vegetais, é possível comprar bolos e até provar um suco verde.

    Aproveite e tome o café da manhã na barraca com os produtos orgânicos da feira.

  • 3. Parque da Água Branca: Museu Geológico Valdemar Lefevre

    Crédito: Museu Geológico Valdemar Lefèvre (MUGEO)Legenda: Museu Geológico Valdemar Lefèvre, no Parque da Água Branca

    Parque da Água Branca: Museu Geológico Valdemar Lefevre – MUGEU
    Avenida Francisco Matarazzo, 455 – Água Branca
    Horário: de terça a domingo das 9h às 17h
    Entrada: gratuita
    Visitas monitoradas somente com agendamento prévio

    Fundado em 14 de novembro de 1967, o MUGEU é um reflexo de mais de um século de pesquisas nas áreas de Geociências no Estado de São Paulo. Os visitantes encontrarão coleções de minerais, rochas, fósseis, objetos e documentos antigos encontrados pela Comissão Geográfica e Geológica.

  • 4. Funarte SP: espetáculo de dança "O Homem na Prancha"

    Crédito: Thiago SabinoLegenda: Espetáculo de dança "O Homem na Prancha" fica em cartaz no Complexo Cultural Funarte SP de 17 a 19 de agosto

    Espetáculo de dança “O Homem na Prancha”
    Complexo Cultural Funarte – Sala Renée Gumiel – Alameda Nothmann, 1058 – Campos Elíseos
    17 a 19 de agosto, sexta e sábado às 19h, e domingos às 18h
    Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia entrada)
    Ingressos na bilheteria uma hora antes da sessão (pagamento somente em dinheiro)

    O bailarino Edson Beserra mergulha em um resgate ancestral inspirado pelo quadro “Navio negreiro”, do pintor inglês William Turner, e no conto “O Horla”, do francês Guy de Maupassant. Inspirado pela confluência dos movimentos da água e do vento, assim como na incidência de luz, Edson dança em um cenário fantasmagórico. Ao longo de seu processo, o bailarino também investigou os movimentos do corpo que vê nos terreiros de Candomblé. Após a apresentação do dia 17, Edson conversa com o público.

  • 5. Theatro São Pedro: ópera "Kátia Kabanová", de Leos Janácek

    Crédito: Divulgação Facebook @TheatroSaoPedroLegenda: Theatro São Pedro

    Ópera “Kátia Kabanová”, de Leos Janácek
    Theatro São Pedro – Rua Albuquerque Lins, 207 – Santa Cecilia
    Dias 17, 19, 22, 24, 26 de agosto, quartas e sextas, às 20h, e aos domingos, às 17h
    Ingressos: R$ 15 a R$ 80

    “Kátia Kabanová” é considerada a melhor ópera do compositor tcheco Leos Janácek e conta a história da jovem e independente Kátia, oprimida pelas convenções hipócritas da classe média, personificadas em sua sórdida sogra. Espetáculo é sonorizado pela Orquestra do Theatro, tem direção musical do maestro Ira Levin e direção cênica de André Heller-Lopes.Os ingressos podem ser adquiridos pelo site.

  • 6. Festa Multicultural da Independência da Bolívia

    Crédito: Divulgação Facebook @memorialamericalatinaLegenda: Memorial da América Latina foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer

    Festa Multicultural da Independência da Bolívia
    Memorial da América Latina – Praça da Sombra e Praça Cívica (portões 2, 5, 8, 9 e 13) – Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Barra Funda
    Dias 11 e 12 de agosto, a partir das 1oh
    Entrada: gratuita

    A festa é organizada pela Associação Cultural Folclórica Bolívia Brasil (ACFBB) é uma demonstração do sincretismo religioso dos imigrantes andinos: celebra as Virgens de Copacabana e Urkupina, padroeiras do país, ao mesmo tempo em que homenageia outras divindades que remontam ao período pré-colombiano. A programação está recheada de atrações folclóricas de dança e música ao vivo, com grupos musicais e ritmos folclóricos bolivianos. As opções da rica culinária boliviana serão oferecidas em estandes e barracas com iguarias que vão de R$ 3 a R$ 20.

  • 7. Impulso Park

    Crédito: Divulgação Facebook @impulsoparkLegenda: Impulso Park é um parque de trampolins localizado na Barra Funda

    Impulso Park
    Rua Doutor Alfredo de Castro, 160 – Barra Funda
    Funcionamento: de terça a sexta, das 13h às 22h, aos sábados, das 10h às 22, e aos domingos, das 10h às 20h
    Entrada: entre R$ 41 e R$ 46 por hora

    O Impulso é um parque de trampolins voltado à inovação, com design e características especiais. Com atrações inéditas O espaço é considerado o maior Trampolim Park de São Paulo, projetado para que o entretenimento seja completo e a diversão garantida. Com um único ingresso é possível desfrutar de diversas atividades, como dodgeball, basket, half pipe, escalada, piscina de espuma, parkour, batalha de cotonete, atividades fitness e muito mais.

     

  • 8. Madness For Friends na Casa das Caldeiras #2

    Crédito: Allan Hipólito | Catraca LivreLegenda: Casa das Caldeiras é hoje um dos lugares mais deliciosos da cidade pra curtir um show ou se jogar num rolê

    Madness For Friends
    Casa das Caldeiras – 
    Av. Francisco Matarazzo, 2000 – Água Branca
    26 de agosto, das 15h às 23h
    Ingressos: de R$ 15 a R$ 25

    A segunda edição da Madness For Friends tem música de qualidade, espaço para crianças, feira de moda & vestuários, bebidas e quitutes. São três pistas: na Principal, rola muito rap, soul, funk classics e R&B, na pista Porão, tem música brasileira , groove, bub e ragga, e na Quintal, tem groove, funk classics e instrumental. Além disso, o público pode desfrutar de um jazzinho com saxofone e composições nas vitrolas.

Compartilhe:

Tags: #Agenda São Paulo #Casa das Caldeiras #parque #Parque da Água Branca #trampolim
Autor: Agência Fática

A Fática é uma agência de comunicação especializada em cultura em suas várias linguagens.

1 / 8
1
04:26
O melhor do fim de semana em SP: 27 e 28 de abril
Oi, pessoal! Vim aqui só com boas notícias! Tenho dicas maravilhosas para você curtir seu final de semana em São …
2
01:26
Sandy & Júnior: já comprou o seu ingresso?
Sandy & Júnior estarão juntos no palco mais uma vez. A dupla queridinha da década de 90 vai fazer uma turnê …
3
02:32
Casa de Pedra é o lugar para você praticar escalada em SP
São Paulo é um grande mar de opções para quem quer se divertir, inclusive praticando esportes radicais sem precisar sair …
4
01:43
Carburadores, o paraíso da carne defumada em SP
O Carburadores é aquele típico restaurante sem mimimi, com ambiente rock´n roll, menu enxuto de sanduíches, entradas e pratos principais …
5
02:59
Exposição Mickey 90 Anos
Oh boy! Há 90 anos nascia o personagem mais famoso do mundo: Mickey! E para celebrar seu nonagésimo aniversário, São Paulo …
6
02:03
Conheça a Chácara Turma da Mônica
A Chácara Turma da Mônica, em Pinheiros, é o primeiro restaurante da turminha do Maurício de Sousa. O lugar …
7
02:16
Já imaginou fazer rapel no prédio mais icônico do centro de SP?
Já imaginou fazer rapel em um dos prédios mais icônicos e altos do centro de São Paulo? Foi exatamente isso …
8
02:26
Conheça o tobogã de capsula mais alto do mundo
Já imaginou despencar a mais de 100 km/h, simulando uma queda livre a 40 metros de altura? É justamente essa …