Barbara Ohana apresenta seu novo projeto no Teatro Itália

Barbara Ohana faz pré-lançamento do disco, "Se eu mentisse seria tão fácil".
Por: Redação | Comunicar erro

A cantora e compositora Barbara Ohana começa, a partir do dia 30/11, a turnê de pré-lançamento do seu segundo disco, “Se eu mentisse seria tão fácil”. O álbum em processo será o sucessor de “Dreamers”, que lhe rendeu 3 milhões de plays no YouTube e mais de um milhão no Spotify, além de uma bem-sucedida turnê nacional.

Crédito: DivulgaçãoBarbara Ohana faz pré-lançamento do disco, “Se eu mentisse seria tão fácil”.

Em parceria com a Chave VilaMundo, a produção do show oferece 50% de desconto para os nossos leitores que apresentarem o cupom na bilheteria do teatro na hora da compra dos ingressos. Pegue o seu cupom aqui.

Ohana irá apresentar 12 inéditas com uma novidade: metade delas será cantada em português. Se seu primeiro disco foi todo gravado em inglês, agora Barbara mostra pela primeira vez um repertório autoral na língua materna. Cantora que deu seus primeiros passos em coros de igreja, cantando em latim, francês e alemão, Barbara acredita que a música deve ultrapassar barreiras – e a língua é uma delas.

Essa caixa de novas músicas será aberta com um repertório autoral e pop, fazendo shows em teatros que irão ressaltar o tom íntimo e direto das canções. Nesse trabalho, o quebra-cabeças musical de Barbara une universos diferentes como o art pop e a chanson française para falar sobre o amor e suas vertigens nos tempos conflituosos que vivemos. E começa por São Paulo: “Escolhi o Teatro Itália para apresentar esse processo criando uma relação íntima, quase antiga, com um público que, assim como eu, gostaria de ouvir canções que contam uma história.”

A direção musical do show será dividida por Barbara Ohana e Adriano Cintra (CSS, Madrid) e os dois serão acompanhados no baixo por Gabriel Bubu (Los Hermanos, Ava Rocha) e na bateria por Federico Taddei.

Compartilhe:

Autor: Por: Redação