Phoenix Park, o maior parque da Europa

Árvore caída no Ibirapuera vira banco nas mãos de designer no Largo da Batata

Entrega acontece no próximo dia 25 e marca lançamento do programa municipal ‘Mobiliário Ecológico’

Por: Redação | Comunicar erro

Nesta quinta-feira, às 10h, a Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente (SVMA) lança o programa municipal Mobiliário Ecológico, que prevê a instalação de bancos produzidos a partir de resíduos de árvores da cidade. Para marcar o lançamento do projeto, será entregue, no Largo da Batata, o primeiro mobiliário do projeto, assinado pelo designer Hugo França.

O Programa tem o objetivo de reaproveitar os resíduos derivados de árvores que caíram ou foram removidas na capital, evitando o desperdício de madeira e transformando o material em bancos para áreas públicas, parques e praças.

Reprodução
A entrega desse banco no Largo da Batata é o pontapé inicial do projeto Mobiliário Ecológico, que prevê a construção de 30 bancos em toda cidade

A ação pretende, combinar a utilização dos espaços públicos com a difusão de conceitos ecológicos e artísticos, tornando o programa um instrumento de educação ambiental para o município.

Responsável por um projeto que busca oferecer um destino sustentável para as árvores que caem em SP e que normalmente são jogadas fora, o artista já fez trabalhos similares no próprio Burle Marx, no Largo do Arouche e no Parque do Ibirapuera, onde há alguns bancos que levam sua assinatura.

Compartilhe: