Conheça as árvores de SP que sorriem ou tossem de acordo com poluição

Iniciativa que passa hoje pelo Minhocão projeta expressões faciais sobre árvores para conscientizar população sobre as mudanças climáticas

Por: Redação Comunicar erro

O que as árvores nos diriam se pudessem falar? A agência Y&R e o IPÊ – Instituto de Pesquisas Ecológicas resolveram brincar com essa ideia e criaram a instalação “Árvore que Sente”, em que copas das árvores paulistanas se comunicam (ou quase) com quem passar por elas e olhar para cima.

divulgação
A iniciativa projeta expressões faciais sobre a árvores. Os “sentimentos” variam de acordo com o índice de poluição local.

Isso por que são projetados sobre suas folhagens sete vídeos em 3D que revelam diferentes expressões faciais de acordo com os índices de poluição local, fornecidos pela CETESB. O objetivo da iniciativa é promover a Semana Nacional da Conscientização sobre as Mudanças Climáticas.

Os sentimentos já passaram pela Praça Charles Miller e hoje estarão no Minhocão. Quem passar pelo local entre 20h e 23h poderá ver como a árvore estará.