Sete países comunistas e socialistas que atraem mochileiros

Por: Redação Comunicar erro

Não só as belezas e a cultura podem atrair o mochileiro para algum país, mas também o regime político. Em um mundo dominado pelo capitalismo, quem é comunista ou socialista ainda desperta curiosidade.

O site Wanderluster selecionou sete países que atraem o visitante por seu regime político. A lista inclui cinco países comunistas e dois socialistas. Alguns deles, como a Coreia do Norte, são tão fechados que é difícil saber ao certo até quanto se gasta em média em um mochilão.

Cuba

Preço médio por dia: US$ 15,88 (Hanoi)[/img]

Assim como em Cuba, o Partido Comunista é o único reconhecido no Vietnã e comanda o país desde 1975. Os meios de comunicação são dominados pelo Estado e quem vai contra o regime, como o blogueiro Truong Duy Nhat que no ano passado escreveu contra a política, é preso.

Coreia do Norte

O mais curioso da Coreia do Norte é, que talvez, seja um dos países mais fechados desta lista, mas, oficialmente, se diz democrático. O nome, inclusive, é República Democrática Popular da Coreia.

Não é permitido que o turista vá completamente sozinho. Para entrar lá é preciso fechar com alguma agência de viagem, geralmente na China, e ser acompanhado constantemente por dois guias e um motorista.

Laos

O governo comunista se estabeleceu em 1975 após uma longa guerra civil no país. Apesar do regime oficial ainda ser comunista, é um país que na verdade convive também com o capitalismo. Prova disso é que recentemente os EUA tiraram o embargo a financiamentos de empresas de Laos.

China

Assim como Laos, a China se diz comunista, mas cada vez mais pessoas questionam até que ponto. As relações comerciais com os Estados Unidos e com o mundo cresceram nos últimos anos, mas o país ainda mantém um controle rígido sobre alguns pontos.

Até pouco tempo, era proibido ter mais de um filho. Agora, casais cujo um dos membros for filho único podem ter dois filhos, mas não mais que isso. Para visitar o país é preciso ter visto. Entre outras coisas, é necessário mostrar um documento que comprove a reserva em um hotel.

Chipre

No Chipre o partido socialista governa, mas foi eleito democraticamente. Localizado no Leste Europeu, não é um país fechado, não havendo regras rígidas para a visitação. Quem é europeu, inclusive, nem precisa de visto.

Nepal

É talvez um dos mais jovens países. Somente em 2008, se tornou república, sendo que um partido comunista o governa. Tal partido, junto com mais sete grupos, forma a junta provisória do país, que aboliu a monarquia. Não há regras rígidas para a obtenção do visto.

Por Wanderluster