Últimas notícias:

Loading...

Itaú Unibanco e Instituto +Diversidade lançam o 4º Edital LGBT+ Orgulho

As inscrições vão até o dia 4/3 e serão selecionados 11 projetos de impacto positivo para a comunidade LGBT+ de todo o país

Por: Redação

No mês da Visibilidade Trans, o Itaú Unibanco, em parceria com o Instituto +Diversidade, lança a quarta edição do Edital LGBT+ Orgulho. Com inscrições abertas até o dia 4 de março, o edital beneficiará o desenvolvimento de 11 projetos que auxiliem e estimulem a visibilidade, segurança e respeito às pessoas LGBTI+, com foco em três frentes: empreendedorismo, empregabilidade e geração de renda.

Podem se inscrever para o processo seletivo pessoas físicas ou jurídicas, grupos ou coletivos (formais ou informais) que já desenvolvem ou pretendem criar propostas voltadas à comunidade LGBT+. Serão priorizados, durante o processo de seleção, projetos que sejam conduzidos e liderados por pessoas LGBT+.

O Instituto +Diversidade é uma organização sem fins lucrativos que mobiliza recursos para articular soluções de alto impacto social – Divulgação

O programa, que já beneficiou mais de 20 projetos ao longo dos últimos 4 anos, busca ações com representatividade regional, que retratam os diferentes perfis geográficos e culturais do país. Também serão consideradas iniciativas com impacto em outros pilares de diversidade (raça e etnia, gênero, pessoas com deficiência, idade e gerações, pessoas refugiadas e outros grupos sociais).

“As últimas 3 edições do Edital LGBT+ Orgulho provam o potencial da população LGBT+ de impactar positivamente a transformação da nossa sociedade. Essa quarta edição reforça o compromisso do Itaú Unibanco e do Instituto +Diversidade em não deixar esse potencial ser desperdiçado”, destaca João Torres, Presidente Executivo do Instituto +Diversidade, sobre o propósito da ação.

Para Luciana Nicola, diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade do Itaú Unibanco, o edital gera uma oportunidade de realizações tanto para os projetos contemplados quanto para os apoiadores. “Acreditamos que ética, respeito e valorização das pessoas dão sustentação ao desenvolvimento da economia e da sociedade. Reconhecemos nosso papel na promoção da diversidade em nossa organização e na sociedade, e trabalhamos para ser um modelo de melhores práticas, oferecendo reais oportunidades de impacto positivo para os cidadãos, coletiva e individualmente”, explica a executiva.

Para ler o regulamento completo e inscrever um projeto, clique aqui.

.

.

Compartilhe: