Programa da Nestlé acelera empreendedorismo jovem na Amazônia

Por: Publi | Comunicar erro

Por meio do programa Nutrindo os Sonhos dos Jovens, a Nestlé deu início a uma iniciativa para acelerar o empreendedorismo na região Amazônia. O programa visa o segmento de alimentação e nutrição com o objetivo de gerar emprego e aumentar a renda na Ilha de Marajó.

Para compreender a realidade e necessidades regionais, foi realizado, em parceria com o Centro Universitário do Pará (CESUPA), um amplo diagnóstico na região. Após quatro meses de estudos, foi possível identificar oportunidades para gerar valor às comunidades nas frentes de Educação; Saúde e Alimentação; Renda e Trabalho; e Meio Ambiente.

O projeto envolve três fases. Na primeira, acontece o workshop para desenvolver soluções e ideias de negócios entre os empreendedores selecionados.

Depois vem a etapa de encubação, em que é realizado um treinamento e planejamento de como transformar as ideias em negócios. Nesta fase, o time de consultores e os jovens refinam o modelo de negócio e o planejamento de implementação para que sejam financeiramente e operacionalmente sustentável antes da terceira e última fase, que é a implantação.

A falta de cursos profissionalizantes, capacitação entre os jovens e adultos e carência de perspectiva profissional, somada à dificuldade de acesso a produtos para compor a alimentação diária pela população local, fez com que Nestlé, CESUPA e Yunus se unissem em parceria para desenvolver projetos de inovação social como esse na Amazônia.

1 / 3
1
01:20
5 dicas para ser um freela bem sucedido
Existem vários pontos positivos em atuar como freelancer no mercado. Mas, para conseguir ser bem sucedido nessa carreira é preciso …
2
02:02
O que as pessoas estão fazendo para superar o desemprego em São Paulo
Conversamos com diversas pessoas para entender as principais dificuldades para encontrar uma oportunidade de trabalho em São Paulo. Elas também …
3
01:36
5 mudanças da reforma trabalhista
Confira o que mudou na relação entre trabalhador em empresa com a aprovação da reforma trabalhista. Gostou? Deixe um like e …