Pais no celular: as telas estão roubando o tempo dos filhos?

Por: Camila Hungria Comunicar erro

Um levantamento realizado na Inglaterra pela Digital Awareness UK, organização que promove práticas mais responsáveis e éticas no mundo online, investigou a relação de pais e mães com os celulares e como seus filhos se sentiam com isso. Os resultados do levantamento indicam que, sim, a interação com o mundo virtual pode estar prejudicando a convivência familiar.

Um terço dos 2 mil jovens de idade entre 11 e 18 anos respondeu que seus pais permanecem online durante as refeições. Contrariando a resposta dos filhos,  95% dos pais entrevistados separadamente negou a interação com o celular.

Quanto tempo você passa no celular enquanto está com seus filhos?

Os jovens entrevistados também disseram que:

  • 82% sentiam que durante as refeições os pais não deveriam estar conectados
  • 22% disseram que o uso de celulares impediu suas famílias de desfrutar da companhia um do outro
  • 36% pediram a seus pais que baixassem seus telefones

Daqueles que pediram aos pais para deixarem o celular de lado, 46% disseram que seus pais não tomaram nenhuma atitude em relação ao pedido, e 44% se sentiram chateados e ignorados com a postura dos adultos em questão.

Imagem de campanha realizada pelo Projeto Dedica, da Associação dos Amigos do Hospital de Clínicas (AAHC).

Leia também: ‘Largue o celular’: aviso na entrada de creche faz apelo aos pais

Mais uma vez, na contramão da percepção dos filhos, apenas 10% dos pais disse acreditar que o uso do aparelho seria uma preocupação para seus filhos, apesar de 43% achar que passava muito tempo online:

  • 37% disseram que estavam online entre três e cinco horas por dia nos fins de semana
  • 5% disseram que poderia ser até 15 horas por dia durante um fim de semana

Com informações de BBC.

1
02:01
As mentiras sobre as vacinas matam
Dr. Gonzalo Vecina, médico e fundador da Anvisa,  fala sobre as mentiras sobre as vacinas e o quanto o calendário …