Últimas notícias:

Loading...

Curtir a natureza fortalece vínculos familiares, indica estudo

Por: Camila Hungria

Em pleno século XVI, na era da vida nos grandes centros urbanos, o contato de adultos e crianças com a natureza ganha relevância, também, no mundo acadêmico.

Leia também: Richard Louv: ‘Pediatras estão começando a prescrever natureza’

Recentemente, na Universidade de Illinois, pesquisadores especializados em estudos relacionados à família investigaram o tema em pesquisa e concluíram que as famílias que realizam atividades regulares ao ar livre tendem a viver melhor.

Os Clubes Natureza em Família, iniciativa do projeto Criança e Natureza, estimulam famílias a organizarem programas em conjunto na natureza.
Os Clubes Natureza em Família, iniciativa do projeto Criança e Natureza, estimulam famílias a organizarem programas em conjunto na natureza.

As duas razões principais para esse resultado são: ir com frequência à natureza se torna um pequeno ritual da família e aproxima todos, podem ser atividades simples, como levar o cachorro para passear ou levar as crianças a um parque;

Em segundo lugar, passeios diminuem o estresse causado nas crianças que vivem em espaços reduzidos. Simplesmente estar num ambiente amplo e natural e permitir que elas brinquem em liberdade faz com que todos os membros da família fiquem mais calmos e relaxados, melhorando as relações familiares.

Famílias curtem dia de brincadeiras ao ar livre na última edição do Slowkids, no Parque VIlla Lobos.
Famílias curtem dia de brincadeiras ao ar livre na última edição do Slowkids, no Parque VIlla Lobos.

De acordo com Dina Izenstark, pesquisadora da universidade e uma das líderes do estudo, o contato com a natureza ajuda o indivíduo a se concentrar, e diminuir os níveis de estresse e ansiedade, e tudo isso tem uma relação direta com a qualidade das relações familiares.

“Há pesquisas que mostram que as famílias que gastam tempo em atividades conjuntas tendem a ter melhor relacionamento mais tarde. Mas as pessoas entendem que vale para qualquer tipo de atividade em conjunto, incluindo assistir à TV. Se uma família só assiste televisão em conjunto, o efeito final pode não ser tão benéfico para o relacionamento como outros tipos de atividades mais interativas, e nosso estudo propõe que as atividades na natureza têm o potencial para ter mais resultados positivos do que outros contextos de lazer”, disse a pesquisadora.

Inspire-se no vídeo do Movimento Slowkids para curtir mais momentos em família na natureza:

Leia tambémEm entrevista, Renata Meirelles fala sobre brincar livre, silêncio e contato da criança com a natureza

Com informações de Criança e Natureza e

Compartilhe:

Tags: #Infantil