318 LGBTs foram mortos em 2015 no Brasil e você também é responsável por isso

No mesmo ano, denúncias de violência contra a população LGBT aumentaram 94% em comparação a 2014

Por: Redação | Comunicar erro

Uma morte LGBT é registrada a cada 28 horas

– O Brasil é o país que mais mata travestis e transexuais no mundo

– Estima-se que no Brasil aconteça,  diariamente,  ao menos 5 denúncias de violência homofóbica

– Estima-se que no Brasil, em 2015, 318 pessoas foram mortas vítimas de homofobia 

Há 26 anos, a exclusão da expressão “homossexualidade” da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde (CID), da Organização Mundial da Saúde (OMS), motivou a criação do Dia Internacional Contra a Homofobia, no dia 17 de maio de 1992.

Passadas quase três décadas desde a criação da data, quais foram os ganhos alcançados no combate à homofobia no Brasil?

Para abordar o tema, um balanço divulgado pelo Grupo Matizes sobre Denúncias de Violações de Direitos Humanos, especificamente sobre a população LGBT, avalia o número de denúncias registradas pelo Disque 100 em 2015 (Canal de denúncias criado pela Secretaria de Direitos Humanos).

O resultado expõe apenas a urgência de políticas públicas direcionadas à conscientização, inclusão social e prevenção da violência que acomete a população: após mais de 131 mil denúncias de violação dos direitos humanos, 2.964 foram direcionadas a grupos LGBT. Resultado que corresponde a um aumento de 94% de reclamações quando comparado ao ano de 2014 (2.143).

Violência nas ruas, violência virtual: Brasil um país de todos?

Segundo o relatório apresentado pela Secretaria de Direitos Humanos, se comparado ao primeiro semestre de 2014, constata-se um aumento significativo de discriminação relacionada à orientação sexual e identidade de gênero. No rol de denúncias, 47% foram registradas na internet, enquanto 53% ocorreram na vida real: nas ruas, escolas, universidades, festas, empresas e demais setores de uma sociedade que se nega a tolerar a diversidade.

Reprodução
Relatório divulgado pela Secretaria de Direitos Humanos referente às denúncias de 2015

Compartilhe:

Tags: #LGBT
1 / 8
1
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
2
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
3
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …
4
03:04
Entendas os possíveis impactos do vazamento das mensagens de Moro
O site The Intercept Brasil divulgou trechos de mensagens trocadas entre o então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, …
5
02:00
Tire todas as dúvidas sobre a doação de sangue
O frio chegou para te lembrar sobre a importância de doar sangue. Uma simples doação pode ajudar até quatro pessoas! Durante …
6
02:58
O que revela a foto de Bolsonaro ao lado de Neymar
O presidente Jair Bolsonaro postou uma foto ao lado de Neymar após o amistoso entre Brasil e Qatar, que aconteceu …
7
05:25
Projeto pode acabar com multa no transporte de criança sem cadeirinha
De acordo com o projeto de lei entregue pessoalmente pelo presidente Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados nesta terça-feira, dia …
8
02:00
Maior parte dos brasileiros é contra flexibilização das armas
Uma pesquisa divulgada pelo Ibope aponta que a maior parte dos brasileiros não apoia a flexibilização do porte e da …