Últimas notícias:
Loading...

Adotar um pet é tudo de bom e nós te damos 5 bons motivos!

Já ouviu falar em Dezembro Verde? Para marcar o mês de combate ao abandono animal, a Mars preparou uma série de ações incríveis. Vem saber mais:

Por: Oferecimento Mars

Você sabia que 90% dos cachorros abandonados no Brasil não encontram um novo lar? Para você ter uma ideia desse triste cenário, de acordo com a pesquisa “Radar Pet”, da COMAC (Comissão de Animais de Companhia), 53% das pessoas entrevistadas têm pets em casa, mas apenas 59% desses gatos e 33% dos cachorros foram resgatados das ruas ou adotados.

E tem mais: de acordo com o Instituto AMPARA Animal, o número de animais abandonados costuma aumentar muito no fim de ano, porque as famílias viajam e não têm com quem deixar os pets.

A campanha “Dezembro Verde” surgiu em 2015 para mostrar os benefícios da adoção responsável
Créditos: iStock - @Capuski | Banco de Imagens
A campanha “Dezembro Verde” surgiu em 2015 para mostrar os benefícios da adoção responsável

Foi justamente por conta deste problema e para alertar a galera para a importância de revertermos essa situação que, em 2015, surgiu a campanha “Dezembro Verde”, que mostra os benefícios da adoção responsável.

Por todos esses motivos, que nós da Catraca Livre nos unimos à Mars Petcare, que desenvolve um trabalho bacana de conscientização sobre o tema, para te mostrar como adotar um cãozinho ou um gatinho pode ser tudo de bom!

Vem com a gente:


1. Uma segunda chance

O motivo mais óbvio para se adotar é bem evidente: acolher é dar uma boa vida para quem já passou por todo o trauma de ter sido abandonado e sobreviveu a situações difíceis nas ruas ou nos abrigos.

Adotar é dar uma boa vida para quem já passou por todo o trauma de ter sido abandonado e sobreviveu a situações difíceis nas ruas ou nos abrigos
Créditos: iStock - @Ekaterina Rekina | Banco de Imagens
Adotar é dar uma boa vida para quem já passou por todo o trauma de ter sido abandonado e sobreviveu a situações difíceis nas ruas ou nos abrigos

Nos abrigos, encontramos animais com todo tipo de história: há aqueles que logo receberam cuidados e outros que precisam de tratamentos médicos e um pouco mais de atenção. Independentemente da situação de seu companheiro canino ou felino, a única coisa que importa é ter condições de adotá-lo com toda a responsabilidade. É um ato de amor!


2. Cuidando da saúde mental

Quem tem um pet em casa sabe como um cãozinho ou um gatinho são fiéis companheiros e preenchem a vida de seus tutores de alegria. Mas não é só o senso comum que tem algo a dizer sobre isso.

Segundo a experiência do Waltham Petcare Science Institute, que pesquisa o potencial terapêutico das intervenções apoiadas por animais, os pets são ótimos aliados para aliviar a solidão e o isolamento social.

Segundo o Waltham Petcare Science Institute, os pets são ótimos aliados para aliviar a solidão e o isolamento social
Créditos: iStock - @ChristinLola | Banco de Imagens
Segundo o Waltham Petcare Science Institute, os pets são ótimos aliados para aliviar a solidão e o isolamento social

Além disso, estudos realizados pela entidade mostraram que cães de companhia podem nos ajudar a combater a ansiedade e a aliviar o estresse das crianças.


3. Parceiros de exercícios

Todo mundo sabe que praticar atividade física é fundamental, mas nem sempre é tão simples encaixar esses momentos na agenda. Pronto, problema resolvido!

Os cachorrinhos precisam passear pelo menos uma vez por dia para gastar energia, melhorar sua musculatura e coluna e, assim, manter seu bem-estar. E, por que não aproveitar esse momento para colocar o seu corpo em movimento?

Que tal aproveitar o momento de passear com seu pet para colocar o seu corpo em movimento?
Créditos: iStock - @alexei_tm | Banco de Imagens
Que tal aproveitar o momento de passear com seu pet para colocar o seu corpo em movimento?

Alguns animais, inclusive, adoram correr em parques ou outras áreas verdes e podem ser bons parceiros nos exercícios. Basta ficar atento aos sinais de cansaço, à desidratação e às condições ambientais, como a temperatura do chão, para não prejudicar seu amigo canino.


4. Responsabilidade pra toda família

Quem tem filho sabe como é importante desenvolver o senso de responsabilidade desde muito cedo. E, por que não aproveitar a vontade dos pequenos de cuidar de um animal para ensinar esses valores?

Não estamos falando de deixar todos os cuidados do cachorro e/ou gato com a criança! Basta conversar com seu filho sobre as necessidades do pet e o que é preciso para garantir o bem-estar dele.

É contar com a ajuda da criança para dar água e comida, dar banho, passear, acompanhar na visita ao veterinário, vacinar e todas as outras obrigações de um tutor, mas sempre com a sua supervisão e orientação.

Adotar um pet pode ser um importante momento para ensinar aos pequenos valores como senso de responsabilidade
Créditos: iStock - @bluecinema | Banco de Imagens
Adotar um pet pode ser um importante momento para ensinar aos pequenos valores como senso de responsabilidade

5. Ajudar os abrigos

Não é difícil encontrar instituições que façam um belo trabalho de proteção, cuidado, castração e adoção dos animais. Mas o número de pets que precisam de ajuda é infinitamente maior, como temos mostrado nesta matéria.

Quando você adota, dá oportunidade para que outro cão ou gato seja acolhido por essas instituições e possa encontrar um novo lar. Já pensou nisso?

Quando você adota, dá oportunidade para que outro cão ou gato seja acolhido por ONGs
Créditos: iStock - @Kerkez | Banco de Imagens
Quando você adota, dá oportunidade para que outro cão ou gato seja acolhido por ONGs

Bem-estar animal

Pronto! Agora que você já tem bons motivos para adotar, já pode ir matutando essa ideia enquanto lê sobre as ações que a Mars Petcare preparou para celebrar o “Dezembro Verde”. A empresa é dona de marcas famosas como Pedigree, Whiskas e Royal Canin.

E, para marcar essa data, firmou algumas parcerias bem legais por meio do programa “Pedigree Adotar é Tudo de Bom”. Junto com o Palmeiras e a ONG AMPARA Animal, por exemplo, a iniciativa organiza um mutirão para castrar 70 cães e 30 gatos.

Além de evitar o aumento de animais abandonados, esse procedimento previne vários problemas de saúde e ainda melhora a chance dos pets serem adotados – já que os novos tutores não precisam se preocupar com isso.

Outra parceria com a CPTM foi criada para conscientizar os passageiros sobre a adoção responsável e o abandono de animais.

Acompanhe novidades sobre o trabalho desenvolvido pela Mars Petcare aqui.