Após três anos de batalha judicial, justiça autoriza publicação de livro que aponta homossexualidade de Lampião

Para o desembargador Cezário Siqueira Neto, impedir a publicação seria “medida de censura”

Por: Redação | Comunicar erro

O escritor e juiz aposentado Pedro de Morais teve finalmente autorização para lançar o livro “Lampião, o mata sete”, que deve sair com pelo menos 11 mil exemplares. Mesmo antes de ser publicada, a obra causou polêmica por revelar a suposta homossexualidade de Virgulino Ferreira.

Reprodução
O processo foi iniciado pela neta de Lampião

Depois de três anos de batalha judicial devido a um processo iniciado por Vera Ferreira, neta de Lampião, na quarta-feira, dia 1º, o livro foi finalmente liberado pela 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ-SE), com base na garantia do direito à liberdade de expressão.

O livro terá 306 páginas, mas ainda não tem data para ser lançado. Segundo o autor, mil exemplares já estão prontos e uma tiragem de mais 10 mil já foi encomendada.

 

 

Compartilhe:

1 / 8
1
53s
Operação Lava-Jato prende ex-presidente Michel Temer
Em mais uma etapa da Operação Lava-Jato, a Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira, 21, o ex-presidente Michel Temer, …
2
02:53
Suzano e Nova Zelândia: os impactos da exposição excessiva
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, disse que o nome do atirador que matou 50 pessoas em uma mesquita em …
3
02:28
Posse de armas: Nova Zelândia dá exemplo de civilidade ao mundo
Após chocar o mundo nesta semana com o massacre de 50 pessoas em duas mesquitas de Christchurch, a Nova Zelândia …
4
03:10
Entenda o mistério por trás da boneca Momo
Ainda mais perturbador, o Desafio da Momo está de volta e desta vez a boneca aparece supostamente dentro de vídeos …
5
02:25
Bolsonaro apoia a construção de muro entre EUA e México
Em viagem diplomática a Washington, o presidente Jair Bolsonaro disse apoiar a construção do muro na fronteira entre EUA e México, …
6
01:42
A nova decisão do STF e o futuro da Lava Jato
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a partir de então os crimes de lavagem de dinheiro e corrupção quando …
7
02:31
Atentado na Nova Zelândia: crimes transmitidos nas redes sociais
Mais um atentado terrorista chocou o mundo nesta sexta-feira, dia 15. Um atirador realizou ataques simuntâneos em duas mesquitas, deixando …
8
01:45
O lugar em que os atiradores de Suzano foram considerados heróis
Uma reportagem publicada nesta terça-feira, 14, pelo portal da Vice indica que os atiradores que invadiram a Escola Estadual Raul …