Audiência reúne Nardoni, Cravinhos, Lindenberg e outros assassinos

Um vídeo em todos aparecem juntos foi gravado a divulgado

Por: Redação

Audiência reúne Alexandre Nardoni, Cristian Cravinhos, Gil Rugai, Lindenberg Alves, Mizael Bispo de Souza e Guilherme Longo, assassinos condenados por crimes de grande repercussão e presos na Penitenciária de Tremembé, no Vale do Paraíba (SP), na quarta-feira, 26.

Crédito: Reprodução/TVVanguardaAudiência reúne Nardoni, Cravinhos, Lindenberg e outros assassinos

Eles foram participar de uma audiência no Fórum de São José dos Campos, sobre uma ação que movem contra o ex-prefeito de Ferraz de Vasconcelos (SP) Acir Filló, também detento da unidade, por ter escrito o livro “Diário de Tremembé — O presídio dos Famosos”.

Um vídeo em todos aparecem juntos foi gravado a divulgado. Assista aqui.

Na página do livro na internet, onde é vendido por 59,90, a sinopse diz que a obra “traz à tona inéditos relatos sobre os midiáticos crimes”.

Os “presos famosos” contestam a publicação.Um dos problemas é a falta de autorização prévia do uso de imagem, o que pode resultar em um pedido de indenização por danos morais e uso indevido.

A esposa de Acir, Viviane Vieira, informou por telefone que não tinha conhecimento da audiência e disse estar surpresa com o fato. “Nós temos as autorizações do Cravinhos e do Mizael. O Lindenberg inclusive recebeu o livro e gostou”, disse.

A Secretaria da Administração Penitenciária disse por e-mail, apenas, que cumpriu a decisão judicial de levar os presos ao fórum. Após o fim da audiência, a juíza Sueli Zeraik saiu sem comentar o assunto. Ela foi procurada por telefone e não quis dar entrevista.

Quem é quem

-Alexandre Nardoni: condenado a 30 anos e dois meses de prisão pela morte da filha Isabella, em 2008

-Cristian Cravinhos: condenado a 38 anos e seis meses pela morte dos pais de Suzane von Richtofen, em 2002

-Gil Rugai: condenado a 33 anos e 9 meses pelo assassinato de seu pai, Luiz Carlos Rugai, e sua madrasta, Alessandra de Fátima Troitino, em 2004

-Lindenberg Alves Fernandes: condenado a 39 anos pelo cárcere e morte da namorada Eloá Pimentel, em 2008

-Mizael Bispo de Souza: condenado a 22 anos e oito meses por matar a advogada Mércia Nakashima, em 2010

-Guilherme Longo: preso na Espanha, acusado pela morte do enteado Joaquim, de 3 anos, em 2013

Compartilhe: