Bebê nasce após mãe ser arremessada de caminhão em acidente

Tragédia aconteceu na Rodovia Régis Bittencourt, no interior de São Paulo

Por: Redação | Comunicar erro
Bebê nasce após mãe ser arremessada de caminhão em acidente
Crédito: Divulgação/ArterisBebê nasceu após mãe ser arremessada em rodovia

Uma tragédia acabou tento um desfecho de esperança na última quinta-feira, 26. Uma menina nasceu durante um acidente na Rodovia Régis Bittencourt, no interior de São Paulo, que resultou na morte de sua mãe.

A jovem, que estava grávida, foi arremessada para fora de um caminhão – onde estava de carona – e morreu após ter o abdômen rompido. A ação fez com que a criança nascesse involuntariamente.

De acordo com o “G1”, a concessionária responsável pela rodovia informou que uma carreta que transportava tábuas de madeira saiu da pista e tombou. O motorista ficou preso nas ferragens do veículo, a passageira foi arremessada e a madeira atingiu a mulher ao cair na estrada.

“O motorista já estava sendo retirado das ferragens do caminhão por outra equipe. A mulher estava embaixo de pranchas de madeira. Eu estava tentando chegar até a vítima para atestar o óbito quando ouvi um choro abafado de uma criança. Tiramos as pranchas de madeira e vimos a gestante. A criança estava entrelaçada nas vísceras da mãe”, contou o médico Elton Barbosa à publicação.

“O feto foi expulso pelo trauma. Quando eu cheguei, o bebê estava entrelaçado nos restos mortais. Eu retirei aquela criança, fiz os procedimentos cabíveis e levei para a ambulância”, completou.

bebê nasce após acidente de caminhão
Crédito: Divulgação/ArterisBebê se manteve viva após ficar os primeiros minutos de vida com a mãe

A menina foi encaminhada para a UTI Neonatal do Hospital Regional de Pariquera-Açu, cidade vizinha a Cajati, e ainda não há informações sobre os familiares do bebê.

Caso ninguém de sua família apareça, o Serviço Social do hospital acionará o Conselho Tutelar para levar a criança para um abrigo até que a Justiça determine o seu destino.

A garotinha não teve ferimentos, contudo necessita de cuidados médicos, por se tratar de uma criança recém-nascida.

“Vou ser sincero. Foi Deus. Pela cinemática, pelo que eu vi, não sei como saiu viva. Quem manteve viva foi o próprio corpo da mãe. É raro isso acontecer. O abdômen da mãe foi exposto. A mãe estava sob várias pranchas de MDF. Eu não sei como essa criança saiu viva”, explicou o médico.

A mãe estava sem os documentos pessoais no momento do acidente e ainda não foi identificada. Já o motorista da carreta, Jonathas Ferreira, foi encaminhado ao Hospital Regional de Pariquera-Açu.

Compartilhe:

1 / 8
1
11:47
Não é Não: tatuagens contra o assédio no Carnaval
Luka Campos, idealizadora da campanha Não é Não, foi a convidada pelo programa Entrevista por Catraca Livre desta semana para …
2
01:40
Desvio em fundos de incentivo para mulheres
O Supremo Tribunal Federal e Tribunal Superior Eleitoral determinaram que 30% dos fundos públicos de financiamiento de campanhas sejam destinados …
3
15:17
Sai Jean Wyllys, entra David Miranda
David Miranda, substituto de Jean Wyllys como deputado federal, é o convidado de estreia do programa Entrevista por Catraca Livre. …
4
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que flexibiliza a posse de armas no Brasil. …
5
01:27
Rosa para meninas e azul para meninos?
Ao longo da história muita coisa mudou, inclusive a forma como meninos e meninas eram vestidos. No século XVIII, por …
6
01:38
O que é e o que faz o COAF?
O Conselho de Controle de Atividades Financeiras é um órgão de inteligência do governo federal, criado em 1998, para combater …
7
01:51
Brumadinho e a situação das barragens de rejeito no Brasil
De acordo com informações da Agência Nacional de Água (ANA), existem mais de 24 mil barragens no Brasil. Desse total, …
8
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou na manhã desta terça-feira, 15, o decreto que flexibiliza a …