Em novo clipe, Beyoncé convida mães de jovens mortos por policiais nos EUA

Informar

Bolsonaro critica Fantástico após programa citar sua homenagem ao coronel Ustra

Por: Redação | Comunicar erro
Fantástico fez reportagem especial sobre homenagem de Bolsonaro ao coronel Ustra
Fantástico fez reportagem especial sobre homenagem de Bolsonaro ao coronel Ustra

A homenagem do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) ao coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra durante votação pelo prosseguimento do processo de impeachment contra Dilma Rousseff no domingo (17) ainda ecoa nas redes sociais e, ao que tudo indica, o caso pode ter novos desfechos.

Uma reportagem de seis minutos veiculada pelo programa Fantástico, na TV Globo, neste domingo, dia 24, mostra o passado de Ustra, comandante do DOI-CODI de São Paulo de 1970 a 1974, e responsável pela morte e pelo desaparecimento de dezenas de pessoas durante a ditadura militar. A reportagem ainda mostra que Bolsonaro pode ter seu mandato cassado por ter feito “apologia a um criminoso”.

“O coronel Ustra não era um ser humano. Ele era uma monstruosidade, era uma degeneração da espécie humana”, disse Gilberto Natalini, vereador de São Paulo, que foi preso durante a ditadura. Assista o vídeo na íntegra aqui.

Com a repercussão da reportagem, Bolsonaro se defendeu dizendo que o programa “defende terroristas”. “Em uma matéria de sete minutos, não me dão dez segundos pra falar. Isso é um crime”, comentou em um vídeo publicado em sua página oficial no Facebook.

Afinal, quem foi coronel Ustra? Confira abaixo a reportagem especial que o Catraca Livre fez no Memorial da Resistência de São Paulo sobre o período da ditadura que passamos no Brasil.

Compartilhe: