Bolsonaro revolta comunidade japonesa no Brasil após fala racista

O presidente fez declarações racistas e xenófobas contra uma jornalista descendente de japoneses e foi criticado

Por: Redação

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) revoltou a comunidade japonesa no Brasil após fala racista e xenófoba contra uma jornalista brasileira, descendente de japoneses, Thays Oyama, autora do livro Tormenta, que trata sobre o primeiro ano de mandato do atual governo. Com informações obtidas pelo jornal ‘Folha de S.Paulo’.

Crédito: Agência Brasil e ReproduçãoBolsonaro revolta comunidade japonesa no Brasil após fala racista

“Nikkeis se manifestam contra fala do presidente”, diz a manchete mais recente do jornal Nippak, que chegou às bancas do bairro da Liberdade, em São Paulo, na quinta-feira,  23. A reportagem se trata de dois artigos de membros da comunidade japonesa criticando Bolsonaro.  Nikkeis são japoneses ou descendentes vivendo fora do Japão.

No último dia 16, Jornalistas perguntaram para Bolsonaro sobre um trecho do livro DE Thays Oyama e o presidente disparou: “Esse é o livro dessa japonesa, que eu não sei o que faz no Brasil, que faz agora contra o governo”.

No mesmo dia, durante transmissão em rede social, ele voltou a falar da repórter com irritação: “Lá no Japão ela ia morrer de fome com jornalismo, escrevendo livro”. Thaís é brasileira, nascida em Mogi das Cruzes (SP), e neta de japoneses.

Para estudiosos do tema, integrantes da comunidade e advogados consultados pela Folha de S. Paulo, “as expressões de Bolsonaro sobre a autora embutem racismo e xenofobia e se somam a outras vezes em que o presidente recorreu a estereótipos e fez comentários sobre características físicas da etnia”. Segundo eles, a situação poderia ser classificada como injúria racial. A jornalista, no entanto, disse que não irá processar Bolsonaro.


Imagem Carnaval Sem Assedio
1
A repercussão dos ataques machistas à jornalista Patrícia Campos Mello
No final da última semana, Hans River do Rio Nascimento foi chamado para prestar depoimento na CPMI das Fake News. …
2
Governo Bolsonaro libera pesca em áreas de conservação ambiental
Uma portaria do Instituto Chico Mendes (ICMBio), órgão vinculado ao Ministério do Meio Ambiente, autorizou a pesca esportiva e amadora …
3
Chuva forte deixa São Paulo debaixo d’água
A chuva que começou ontem não deu sinal de trégua e fez São Paulo amanhecer debaixo d’água nesta segunda-feira, 10. …
4
Coronavírus: aviões da FAB vão retirar brasileiros de Wuhan, na China
Dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) decolaram nesta quarta-feira, 5, em direção a Wuhan, na China, para retirar os …
5
BBB20: Mulheres decidem o destino de Pétrix Barbosa
A união das mulheres  decidiu o destino de Pétrix não apenas no Big Brother Brasil 20, mas também fora da …
6
Damares Alves: abstinência sexual, protesto e contradição?
Por que este grupo de mulheres deu as costas para a ministra Damares Alves enquanto ela defendia sua política de …
7
Bolsonaro e a demissão do secretário que viajou com jato da FAB
O presidente Jair Bolsonaro anunciou em sua conta no Twitter que vai tornar sem efeito a nomeação de José Vicente …
8
Visibilidade trans: a história de Thais de Azevedo
O que é violência para você? Para Thais de Azevedo essa pergunta resume uma trajetória de vida. Como mulher trans, …