Publicidade

Informar

Cachorro é resgatado por ONG e se recupera em 2 meses

Por: Redação | Comunicar erro
...
Publicidade

A ONG indiana ‘Animal Aid Unlimited‘ resgatou e salvou a vida de um cachorro encontrado na rua que estava muito doente. Em apenas dois meses, o cão passou por uma transformação com a ajuda de voluntários e agora está totalmente saudável e recuperado.

Reprodução/Animal Aid Unlimited
O cão foi encontrado na rua e estava muito doente

Quando foi resgatado, o animal parecia não ter contato com humanos há muito tempo. Os voluntários levaram o cachorro para a instituição e o veterinário responsável cuidou de suas infecções. Em 10 dias, a pele do cão já estava curada.

Veja mais fotos e assista ao vídeo:

Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)
Os voluntários ajudaram o pequeno cão a se recuperar (Reprodução/Animal Aid Unlimited)

Compartilhe:

Publicidade
Publicidade

Museu de Anatomia Humana da USP exibe peças que ensina como o seu corpo funciona

Cereja Flor: O lugar das taças de sorvetes gigantes em São Paulo

Fondue taiwanês é a próxima delícia que você tem de provar

Médica tira dúvidas sobre anticoncepcional

Refugiados se tornaram microempreendedores em um lava-rápido em São Paulo

Publicidade