Caloi resgata campanha publicitária para promover ciclismo em SP

Por: Redação
Em um ano, cidade de São Paulo teve um aumento de 66% no número de ciclistas. – Reprodução/ Facebook Bicicletada

Se você tem 30 e poucos anos, certamente se lembará da campanha “Não esqueça a minha Caloi”, que, há quatro décadas, marcou época na história da publicidade brasileira e, ainda hoje, tem lugar cativo na memória de toda uma geração.

Para conscientizar os motoristas e a sociedade sobre a inclusão da bicicleta como meio de transporte, a Caloi escolheu o dia 22 de setembro, Dia Mundial sem Carro, para lançar sua campanha de 120 anos. Para isso, aproveitou a data para chamar a atenção de todos com a célebre.

Atenta ao novo cenário de mobilidade urbana no Brasil, a campanha ressurge não apenas com o intuito de vender mais bicicletas, como sugeriam os bilhetinhos da época, mas com o foco da inclusão da bike nas ruas.

Um vídeo com toda a ideologia do novo foco “Não esqueça a minha Caloi” será veiculado nas redes sociais da marca, assim como em canais de mídia digitais.

A cidade de São Paulo terá peças publicitárias, como seus relógios de rua, envelopados com frases como “Não esqueça a minha Caloi ao mudar de faixa” e “Não esqueça a minha Caloi antes de fazer uma curva”.

E como a inclusão da bicicleta como transporte é um tema de interesse geral da sociedade, uma carta aberta será publicada pela Caloi no próprio dia 22, no jornal Folha de São Paulo, convidando todas as marcas a levantarem a bandeira. Além disso, a assinatura “Não esqueça a minha Caloi” será estendida para quaisquer outras marcas que queiram participar do movimento.

O manifesto

“Somos uma empresa em que a paixão não está na bicicleta, mas no ciclista. Estamos presentes há 120 anos na vida dos brasileiros. São gerações e gerações que a Caloi marcou, pois andar de bicicleta é algo que a gente nunca esquece e, sempre que pedalamos, seja para um deslocamento para o trabalho, uma atividade física ou apenas por lazer, o ventinho no rosto nos traz memórias únicas”, afirma Eduardo Rocha, diretor de marketing da Caloi. “Nesse ano icônico, resgatamos a campanha ‘Não esqueça a minha Caloi’ com um novo olhar: a visão do século XXI, quando a bicicleta em muitos países já é vista como uma das soluções do transporte, seja nos grandes, médios ou pequenos centros. E no Brasil ainda pouco se fala ou mesmo vemos na prática esse movimento, principalmente pela falta de segurança no trânsito e a ausência de boa convivência com os demais veículos. Essa não é apenas uma campanha da Caloi, mas sim do mercado de bicicletas como um todo para o ciclista brasileiro”, completa.

Compartilhe:

1
9 pontos polêmicos que Sergio Moro se esquivou no Roda Viva
O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, foi o primeiro entrevistado da nova temporada do programa Roda Viva, …
2
‘Noivado’ de Regina Duarte com Bolsonaro divide opiniões
“Nós vamos noivar, vou ficar noiva, vou lá conhecer onde eu vou habitar, com quem que eu vou conviver, quais …
3
A queda: entenda a polêmica que custou o cargo de Roberto Alvim
Após praticamente reproduzir um discurso do ministro nazista Joseph Goebbels, o ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim, protagonizou uma polêmica que …
4
Impunidade de Victor não é caso isolado no Brasil de Bolsonaro
Victor Chavez, cantor sertanejo da extinta dupla Victor e Léo, foi condenado por agredir a esposa grávida de quatro meses …
5
Anarquia da ponte pra lá: a história do punk na periferia de SP
Autor do livro My Way, Valo Velho é história viva da cena anarcopunk de São Paulo. A Catraca Livre foi até …
6
Backer: entenda o caso das cervejas contaminadas
O Ministério da Agricultura suspendeu a venda de cervejas da marcar Backer e determinou que a empresa faça um recall …
7
O que é liberdade de expressão?
O que é liberdade de expressão? Entenda o significado e a importância desse direito tão importante para todos nós neste …
8
Entenda o acordo nuclear que envolve EUA x Irã
Errata: ao contrário do que aparece no vídeo, o nome do especialista entrevistado é Lucas Leite e não Felipe. O …