Últimas notícias:

Loading...

Casal gay é esfaqueado enquanto passeava de mãos dadas

Eles tiveram ferimentos em várias partes do corpo

Por: Redação
Casal gay é vítima de homofobia

O casal Chris Huizar, de 19 anos, e Gabriel Roman, de 23, foi vítima de um ataque homofóbico na noite do último sábado, 28, enquanto saiam de uma casa noturna cidade de Denver, no Colorado (EUA).

Os dois tinham acabado de deixar o lugar e andavam de mãos dadas quando um homem se aproximou e começou a xingá-los, mostrando-se ofendido pela demonstração de afeto dos namorados.

Segundo contaram ao portal 9News.com, o homem usou termos como “bichas de merda” para atacá-los verbalmente, e, em seguida, desferiu golpes com uma faca.

“Nós estávamos apenas andando e eu acho que ele não gostou quando nos viu de mãos dadas”, disse Huizar, que foi esfaqueado no pescoço. Seu parceiro, Gabriel, teve ferimentos nas mãos e nas costas.

O Departamento de Polícia de Denver investiga a agressão e anunciou a prisão de um suspeito, que não teve a identidade revelada.

Mais tarde, por meio de seu perfil nas redes sociais, Chris Huizar desabafou sobre o caso de homofobia.

Casal gay é vítima de homofobia

“Não é porque escolhemos viver nosso estilo de vida da maneira que fazemos que uma pessoa pode vir e nos esfaquear [eu fui esfaqueado no meu pescoço, Gabriel foi esfaqueado em sua mão e nas costas]”, iniciou a vítima.

“Amor é amor. Eu quase perdi meu marido ontem à noite. Enquanto eu o segurava em meus braços, ele quase sangrou até a morte. Por quê? Porque nós estávamos sendo quem somos! Porque nós estávamos de mãos dadas em público!”, continua.

“É 2018 e todos estão sendo gays hoje em dia. Eu sou grato que isso tenha acontecido comigo em vez de outra pessoa, e eu sou grato que Deus está do nosso lado e nos manteve aqui na terra. Isso vai nos tornar mais fortes! Eu estou aqui e eu sou gay”, desabafou o jovem.

Leia também:

Compartilhe:

?>