China diz que encontrou traços de coronavírus em frango brasileiro

A carga de frango foi exportada por um frigorífico do sul de Santa Catarina

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Autoridades de Shenzhen, no sul da China, afirmaram nesta quinta-feira, 13, que foram encontrados traços do novo coronavírus em asas de frango importadas do Brasil.

Segundo a imprensa chinesa, nenhum dos trabalhadores que manipularam o alimento testou positivo até o momento para covid-19.

frango
Crédito: ValaGrenier/iStockChina diz que detectou coronavírus em frango importado do Brasil

Os traços de coronavírus foram detectados na superfície de uma amostra da carga, após a realização de testes de ácido nucleico.

A carga de frango foi exportada por um frigorífico do sul de Santa Catarina. A contaminação do alimento pode provocar queda das exportações brasileiras para a China.

As autoridades sanitárias de Shenzhen recomendaram aos consumidores que sejam cautelosos ao comprarem carnes e frutos do mar importados e que tomem “precauções para reduzirem o risco de infecção” pela covid-19.

O Brasil, maior produtor mundial de carne de frango, era até 2017 o principal fornecedor de frango congelado para a potência asiática.

Ontem, as autoridades chinesas já haviam afirmado que encontraram traços do novo coronavírus na superfície de outros produtos importados congelados, incluindo camarões oriundos do Equador, na província de Anhui, no leste da China.