Últimas notícias:

Loading...

Chuva causa alagamentos, queda de árvores e morte em SP

Na Vila Mariana, uma mulher morreu após seu carro ser atingido por uma árvore

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A chuva que atingiu a cidade de São Paulo na tarde desta terça-feira, 1º, causou alagamentos, queda de árvores e matou uma pessoa.

Na rua Dr. Thirso Martins, na Vila Mariana, na zona sul, uma mulher morreu após uma árvore cair sobre o veículo em que estava com outras três pessoas. Ela não resistiu aos ferimentos.

temporal em SP
Crédito: Reprodução/GloboNews Chuva causa alagamentos, queda de árvores e morte em SP

Segundo a Defesa Civil, 115 árvores –quatro de grande porte– e 32 galhos caíram na cidade durante o forte temporal.

Um ônibus e outros dois carros e um motociclista foram atingidos por árvores ou galhos, diz a nota da Defesa Civil. Ninguém ficou ferido gravemente nestas outras ocorrências. Diversas vias da capital ficaram alagadas.

Um dos acidentes ocorreu na avenida 23 de maio e foi flagrado por um cinegrafista da TV Globo. Um  motoboy ficou preso na copa de uma árvore que caiu sobre a via.

De acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), áreas de instabilidade foram registradas com forte intensidade na zona norte, nos bairros de Pirituba, Jaraguá, Jaçanã, Tremembé e Perus. O mesmo quadro foi observado na Lapa, na zona oeste. Depois, parte da zona sul foi atingida.

Em casos de chuva forte, a Defesa Civil recomenda:

  • Evitar transitar em ruas alagadas.
  • Se a chuva causou inundações, não enfrentar correntezas.
  • Ficar em lugar seguro e se precisar, pedir ajuda.
  • Manter-se longe da rede elétrica e não parar debaixo de árvores.
  • Abrigar-se em casas e prédios.
  • Planejar viagens, para que haja menor possibilidade de enfrentar engarrafamentos causados por ruas bloqueadas.
  • Em caso de dúvida sobre vias bloqueadas, ligar para a central de atendimento da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) através do número 156 ou no site: www.cetsp.com.br.

Compartilhe: