Em debate, candidatos de SP citam protestos contra Bolsonaro

Movimento #EleNão foi citado logo no primeiro bloco do programa que reuniu aspirantes a governador de São Paulo

Por: Redação | Comunicar erro
Crédito: reprodução/TV RecordEm debate, candidatos ao governo de SP citam protestos #EleNão

Em debate transmitido pela TV Record na tarde deste sábado (29), os candidatos ao governo de São Paulo destacaram as manifestações contra o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) que ocorrem no Estado e também em outras partes do Brasil e do mundo.

O capitão da reserva lidera as pesquisas de intenção de voto e foi escolhido como alvo dos ataques dos concorrentes logo no primeiro bloco.

O candidato do PT, Luiz Marinho, citou que a educação sexual é uma questão a ser debatida na família e nas escolas para preparar crianças e adolescentes para enfrentar a realidade. Já Professora Lisete (Psol) criticou Bolsonaro por um “kit” que teria sido distribuído em colégios de São Paulo.

“Márcio Taxa”

O debate também foi marcado por um bate-boca entre Marcio França (PSB) e João Doria (PSDB). Após uma primeira rodada tranquila de perguntas entre os candidatos, o clima esquentou. Na segunda rodada, ainda no primeiro bloco, Doria perguntou a França sobre a criação de impostos. “Você declarou no programa ‘Roda Viva’, quando lá participou, que gostaria, e fez essa defesa com muita ênfase, de criar uma taxa para os moradores que estivessem próximos de estações do metrô e também das obras do metrô, as obras concluídas do metrô”, disse Doria. “Em uma outra entrevista, disse que gostaria também de oferecer a mesma taxa para as autoestradas, quem mora junto às novas autoestradas. Você agora é o Márcio Taxa?”, questionou.

“Eu vou cobrar a taxa, João, é de pessoas como você, que pegou uma rua pública lá em Campos de Jordão e adaptou para a sua propriedade”, afirmou França. “Isso, sim, tem que cobrar taxa. (…) Precisa ter cara-de-pau para vir aqui fazer isso. Impressionante.”

Crédito: reprodução/TV RecordEm debate, candidatos ao governo de SP citam protestos #EleNão

França também criticou o ex-prefeito de São Paulo por ter saído do posto com pouco mais de um ano de gestão. “Sabe, tudo o que o João fala parece tão marqueteiro, uma coisa tão falsa. Você fala para mim… a impressão que dá… Olha, você falou para mim 43 vezes, olhando na minha cara, assim: ‘Márcio, eu prometo a você, eu prometo a você e a todo mundo, pela honra do meu pai, pela honra dos meus filhos, que eu ficarei na Prefeitura durante quatro anos e serei o melhor Prefeito de São Paulo’. Você falou isso. Se você não consegue cumprir nem com a honra das pessoas que você jura, João, você acha que alguma coisa que você fala eu confio? Alguma coisa?”, atacou França.

Acompanhe outros conteúdos ligados às eleições deste ano nesta página especial

1 / 8
1
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
2
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
3
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …
4
03:04
Entendas os possíveis impactos do vazamento das mensagens de Moro
O site The Intercept Brasil divulgou trechos de mensagens trocadas entre o então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, …
5
02:00
Tire todas as dúvidas sobre a doação de sangue
O frio chegou para te lembrar sobre a importância de doar sangue. Uma simples doação pode ajudar até quatro pessoas! Durante …
6
02:58
O que revela a foto de Bolsonaro ao lado de Neymar
O presidente Jair Bolsonaro postou uma foto ao lado de Neymar após o amistoso entre Brasil e Qatar, que aconteceu …
7
05:25
Projeto pode acabar com multa no transporte de criança sem cadeirinha
De acordo com o projeto de lei entregue pessoalmente pelo presidente Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados nesta terça-feira, dia …
8
02:00
Maior parte dos brasileiros é contra flexibilização das armas
Uma pesquisa divulgada pelo Ibope aponta que a maior parte dos brasileiros não apoia a flexibilização do porte e da …