Evangélicos da Câmara assinam lista contra medalha de Felipe Neto

O youtuber deve ser homenageado pela Casa por distribuir 14 mil livros com conteúdo LGBT, mas a turma da família tradicional quer suspender o prêmio

Por: Redação

Mal a medalha de Felipe Neto abrilhantou uma iniciativa do youtuber e já querem tirá-la dele. Afinal, a Frente Evangélica da Câmara dos Deputados não curtiu muito o fato de o rapaz distribuir 14 mil livros com conteúdo LGBT durante a Bienal do Livro.

A medalha de Felipe Neto causou comoção na Câmara
Crédito: Reprodução/InstagramA medalha de Felipe Neto causou comoção na Câmara

Foi uma resposta de Felipe à fiscalização que a prefeitura do Rio realizou na própria Bienal em busca de obras consideradas impróprias.

Por sinal, graças a ela, o youtuber foi indicado para receber a Medalha Mérito Legislativo, premiação mais importante da Câmara.

Em nome da família tradicional e da religião, a Frente Evangélica da Casa já reagiu à indicação.

Assim, o pastor e deputado federal Otoni de Paula (PSC) começou a colher assinaturas para convencer o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), a não conceder a medalha a Felipe Neto.

Em um dia, o deputado conseguiu o apoio de 123 colegas. Estima-se que vá chegar a 250 assinaturas.

Caso Maia não ceda, Otoni de Paula diz que será encaminhada uma moção de repúdio à medalha de Felipe Neto. Segundo Otoni, o prêmio partiu de uma decisão unilateral do segundo secretário da mesa.

Pois nada mais natural, uma vez que uma das atribuições da segunda secretaria é essa mesmo: cuidar da concessão da Medalha Mérito Legislativo. Ao menos é o que reza a cartilha da Casa.

Leia também: Enfermeira cria abaixo-assinado contra desmonte do Samu em SP

Compartilhe: