CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Ex-prefeito de Londres defende reduções de velocidade no trânsito

Por: Redação

O político britânico Ken Livingstone, 70, ocupou o posto de prefeito de Londres entre os anos 2000 e 2008. Em meio à polêmica sobre a redução de limites de velocidade e a implementação de ciclovias em São Paulo comandadas pela gestão Fernando Haddad (PT), Livingstone conversou com o jornal “Folha de S. Paulo” na quarta-feira (9) e afirmou que defende uma redução de velocidade ainda mais drástica.

“A redução dos limites de velocidade reduz também a poluição e os acidentes, então sou a favor. Para reduzir os atropelamentos, precisamos de cruzamentos com semáforos para pedestres e uma velocidade não maior que 32 km/h”, afirmou ao jornal.

Haddad anunciou que irá patronizar em 50 km/h o limite de todas as avenidas arteriais de São Paulo até o final deste ano.

Divulgação / CET
Ex-prefeito disse que melhorias no sistema de ônibus em Londres aumentou o número de passageiros transportados em 75%

O ex-prefeito da capital inglesa disse defender ainda a expansão de faixas exclusivas para ônibus. “É mais rápido e mais fácil expandir o transporte público por meio de ônibus, uma vez que a construção de um sistema subterrâneo leva muitos anos. O que ajudou a expansão dos ônibus em Londres foi um enorme número de novas faixas só para ônibus, onde os carros foram excluídos”.

O mandato de Livingstone foi marcado por introduzir o “congestion charge”, uma cobrança de pedágio para transitar de carro pelo centro comercial de Londres, e a implantação do Oyster card, algo como o nosso bilhete único.

Leia a entrevista na íntegra.

Compartilhe:

Tags:#Mundo
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.