Frota diz que não vai se desculpar por ironizar Pernambuco

Ex-ator pornô gerou polêmica ao responder comentário de internauta

Por: Redação Comunicar erro

O deputado eleito (PSL -SP ) e ex-ator pornô Alexandre Frota afirmou que não vai se desculpar por ironizar a origem de um seguidor que comentou uma publicação sua em uma rede social. Na publicação, o seguidor o chamava de ” ator pornô que não paga pensão”. O deputado se limitou a responder com a frase “Só podia ser de Pernambuco”.

De acordo com a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo, o ex-ator não reconhece o erro. “Não errei, ao contrário. Deixo aqui minha declaração de amor a Pernambuco”, disse ele à jornalista.

O deputado eleito também justificou a resposta dizendo que existe um grupo de pernambucanos que o ataca com frequência e que o comentário teria se destinado a eles.

alexandre frota xenófobo
Crédito: Reprodução/TwitterResposta de Alexandre Frota a seguidor no Twitter

Após o episódio, o também deputado eleito Túlio Gadelha (PDT-PE) entrou com uma ação na Justiça contra Frota alegando xenofobia. Frota por sua vez também ironizou a atitude de Gadelha e questionou: “Você sabe o que é xenofobia? (…) “Xenofobia é aversão a quem é de fora [do Brasil]. E os amados pernambucanos são brasileiros”, publicou Frota.

alexandre frota tulio gadelha xenofobia
Crédito: Reprodução/InstagramAlexandre Frota provocou Túlio Gadêlha após saber de processo por xenofobia

Gadelha afirma que xenofobia também pode ser uma aversão étnica e cultural.  que Frota “precisa ter maturidade. Ele não fala só por ele, mas pelas pessoas que votaram nele”. O futuro parlamentar diz que, por isso, pediu explicações à Justiça.

Em resposta ao comentário infeliz de Alexandre Frota, o poeta Fabrício Carpinejar publicou em seu perfil no Facebook um texto com o título: SÓ PODIA SER MESMO DE PERNAMBUCO.

Só podia ser de Pernambuco a poesia geométrica de João Cabral, o teatro da vida real, a morte e vida severina.

Só podia ser de Pernambuco o frevo, o maracatu, o Galo da Madrugada, a alegria ecumênica.

Só podia ser de Pernambuco os bonecos de Olinda, o olhar oceânico do alto das igrejas e dos muros brancos.

Só podia ser de Pernambuco a literatura de cordel, o raciocínio rápido do repente, a magia dos violeiros.

Só podia ser de Pernambuco Manuel Bandeira e a Estrela da Manhã.

Só podia ser de Pernambuco Nelson Rodrigues e o seu carinho pelos vira-latas mancos.

Só podia ser de Pernambuco a infância misteriosa de Clarice Lispector, a descoberta da leitura.

Só podia ser de Pernambuco Chico Science e o movimento manguebeat.

Só podia ser de Pernambuco a cerâmica de Francisco Brennand e seus 1001 dias iluminados de esculturas e azulejos.

Só podia ser de Pernambuco o modernismo de Cícero Dias, que já dizia em sua pintura: “Eu vi o mundo… ele começava no Recife”.

Só podia ser de Pernambuco a pedagogia de Paulo Freire (do oprimido, da libertação, do compromisso, da autonomia e da solidariedade).

Só podia ser de Pernambuco o cinema inovador de Kleber Mendonça Filho (“O Som ao Redor” e “Aquarius”) e de Cláudio Assis (“Amarelo Manga” e “Febre do Rato”).

Só podia ser de Pernambuco a irreverência contagiante de Chacrinha.

Só podia ser de Pernambuco a sociologia de Gilberto Freyre, profeta do multiculturalismo.

Só podia ser de Pernambuco Vavá, o peito de aço, bicampeão mundial de futebol.

Só podia ser de Pernambuco Luiz Gonzaga, o Rei do Baião.

Só podia ser de Pernambuco o abolicionista Joaquim Nabuco.

Tem razão. Só podia ser mesmo de Pernambuco.

SÓ PODIA SER MESMO DE PERNAMBUCOFabrício Carpinejar Só podia ser de Pernambuco a poesia geométrica de João Cabral, o…

Posted by Fabrício Carpinejar on Thursday, December 27, 2018

Compartilhe:

1 / 8
1
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
2
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
3
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
4
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
5
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …
6
06:21
Prefeito do Rio censura HQ dos Vingadores por conta de beijo gay
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, mandou recolher todos os exemplares do gibi “Vingadores – A Cruzada das …
7
04:35
Facada em Bolsonaro completa um ano com mais uma cirurgia
O presidente Jair Bolsonaro, comemorou junto à imprensa nesta sexta-feira, 6, o que chamou de “aniversário” de um ano da …
8
10:37
Entenda a mente do Bolsonaro por Alexandre Frota e Fernando Holiday
Os deputados, ex-aliados do governo Bolsonaro, Alexandre Frota (PSDB) e Fernando Holiday (DEM) estiveram na Catraca Livre e falaram sobre …