Governo Alckmin pagou R$ 501 mil por anúncio em revista de Doria

Por: Redação

Uma das reportagens mais lidas do jornal A Folha de S.Paulo desta terça-feira, 20, foi uma matéria publicada há um ano que mostrava os gastos do governo Geraldo Alckmin (PSDB) com publicidade em revistas de João Doria Jr., candidato tucano à Prefeitura de São Paulo.

Internet relembra matéria que revela pagamento de R$ 501 mil por anúncio do governo do Estado à revista de Doria
Internet relembra matéria que revela pagamento de R$ 501 mil por anúncio do governo do Estado à revista de Doria

Algumas pessoas que compartilharam o texto no Facebook receberam o lembrete da rede social, o que fez o conteúdo voltar à tona.

O que mais chama a atenção é que, do total de R$ 1,5 milhão pagos pelo governo, R$ 501 mil foram para um anúncio na revista Caviar Lifestyle, que pertence ao Grupo Doria.

Principal patrocinador político da candidatura de Doria, Alckmin saiu na frente quando seu protegido foi o escolhido para disputar as eleições para a prefeitura de São Paulo.

Do outro lado, José Serra apoiava Andrea Matarazzo, que depois da definição deixou o partido e concorre a vice de Marta Suplicy pelo PMDB.

Segundo a reportagem da Folha, o governo pagou R$ 501 mil por um Publieditorial – anúncio em formato semelhante a uma reportagem – de 9 páginas na revista Caviar Lifestyle, que na época declarava circulação de 40 mil exemplares.

Em matéria publicada nesta terça-feira pelo Buzzfeed, uma imagem de uma Nota Fiscal emitida pela Doria Editora ao governo do Estado comprova o pagamento de R$ 501.200,00 pela publicidade.

De acordo com a nota, a propaganda era uma campanha da Secretaria de Turismo sobre o patrimônio público paulista.

Leia também: 4 mitos sobre as eleições que você precisa deletar da cabeça

Compartilhe: