Homem é torturado para assumir homicídio inexistente

Vítima apareceu viva 9 dias após a prisão de Fábio Araújo

Por: Redação Comunicar erro

Fábio Araújo dos Santos foi vítima de uma injustiça ao ser acusado de matar um homem a mando do PCC (Primeiro Comando da Capital). Isso porque a pessoa que teria sido morta por ele está viva.

Isso mesmo. O jovem, de 21 anos de idade, foi preso a 100 quilômetros de Campo Grande, Mato Grosso do Sul (MS), e ficou detido por dez dias. A suposta vítima apareceu no nono dia de sua prisão.

homem torturado assassinato
Crédito: Reprodução/Arquivo PessoalFábio Araújo dos Santos disse que sofreu pressão psicológica para assumir assassinato

Neste período, ele alega que foi torturado por policiais para confessar a autoria do homicídio que nunca aconteceu. “Eles me afogaram, colocaram saco preto na cabeça”, declarou ao “Uol”.

Fábio relatou também que, para que a tortura acabasse, ele confessou o que os policiais queriam e disse ter matado o tal homem. “Os policiais ameaçaram que iriam me matar no brejo e falar que eu tinha trocado tiro com eles, alegar legítima defesa”, completou.

Entretanto, o delegado Bruno Santacatharina, que estava cuidando do caso, rebateu as acusações e disse que está sendo alvo de calúnia.

O caso teve início depois que um homem que havia denunciado um ponto de venda de drogas desapareceu e três testemunhas alegaram que a pessoa desaparecida foi morta por Fábio Araújo dos Santos, apontado como “disciplinador geral do PCC” na cidade, em retaliação.

Com base nisso, Santacatharina pediu a prisão temporária de Santos no dia 16 de fevereiro.

1 / 8
1
08:59
Lobão analisa a relação de Bolsonaro com seus filhos
Um dos poucos nomes do meio artístico a apoiar a eleição de Jair Bolsonaro (PSL), o músico Lobão revelou recentemente …
2
08:31
Lobão explica como funciona a mente de Olavo de Carvalho
Em entrevista ao vivo no estúdio da Catraca Livre para o jornalista Gilberto Dimenstein, o cantor Lobão, ex-afeto de Olavo …
3
03:39
Alter do Chão sofre com incêndio de grandes proporções
As chamas que consomem uma área de preservação ambiental de Alter do Chão, em Santarém, no Pará, voltaram a se …
4
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
5
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
6
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
7
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
8
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …