Idoso numa maca é colocado dentro de banheiro sujo de hospital 

A família registrou a situação em vídeo e conta que o senhor de 68 anos ficou cerca de 2 horas no local que não tinha sido higienizado e cheirava mal

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Um idoso internado no hospital Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, na região central da capital paulista, foi colocado em um por duas horas em um banheiro sujo, que não tinha sido higienizado e cheirava mal, para a realização de um procedimento médico, segundo contou a família. A informação foi obtida pelo G1.

IDOSO BANHEIRO HOSPITAL
Crédito: Reprodução/G1Idoso numa maca é colocado dentro de banheiro sujo de hospital

A família registrou o flagrante, em vídeo. José Carlos de Souza Almeida, de 68 anos, que aparece nas imagens em uma maca, após ser internado no último dia 7.

O vídeo foi gravado pela esposa do idoso, Helena dos Santos Almeida. Ela contou que o banheiro tinha o vaso sanitário entupido e muito lixo jogado no chão. “Foi uma humilhação, eu nunca passei por isso. Eles chegaram e colocaram ele no banheiro e falaram que eu poderia ficar junto, mas eu falei ‘não vou conseguir ficar aqui dentro, não consigo nem respirar lá dentro’, mas ele ficou porque ele tá debilitado, não fala”, relatou Helena, ao G1.

“Ele ficou umas duas horas dentro do banheiro, abandonado porque ninguém ia lá. Depois fizeram a lavagem e mandaram ele sujo pra casa, porque ele estava limpo quando foi para o hospital, eu fui ver estava todo sujo, tinha secado, foi um horror”, disse a esposa do idoso.

Helena também contou que não obteve resposta ao perguntar para as enfermeiras porque seu marido foi atendido no banheiro. Para ver o vídeo gravado pela esposa de José Carlos, clique aqui.

A Santa Casa de Misericórdia afirmou por meio de nota que “todos os locais são higienizados a cada hora ou mediante solicitação da enfermagem em caso de necessidade” e que o hospital possui “equipes de limpeza completas e orientadas para esta função”, mas não explicou por que o idoso foi atendido no banheiro.

Confira abaixo a íntegra da nota do hospital:

“Informamos que o paciente é acompanhado em nosso hospital com a equipe de Neurocirurgia, anteriormente já foi realizada tomografia e ressonância magnética, exames pré-operatórios para cirurgia eletiva (não emergencial). Em 07/09/2020, o paciente voltou a procurar nosso pronto-socorro, porém, devido a quadro de constipação, fez os procedimentos necessários, teve melhora do quadro e foi liberado para prosseguir em acompanhamento ambulatorial com a Equipe de Neurocirurgia para a programação da cirurgia eletiva citada anteriormente. Em relação as regras de higienização, todos os locais são higienizados a cada hora ou mediante solicitação da enfermagem em caso de necessidade. Temos equipes de limpeza completas e orientadas para esta função. Já reforçamos com as equipes de limpeza e de enfermagem estes protocolos”.

Compartilhe: