Últimas notícias:

Loading...

Indignado, Padre Júlio Lancelotti tira pedras de viaduto a marretadas

As pedras foram colocadas debaixo dos viadutos pela Prefeitura de São Paulo para afastar moradores de rua dessas localidades

Por: Redação

O padre Júlio Lancellotti, coordenador da Pastoral do Povo de Rua da Arquidiocese de São Paulo, quebrou a marretadas, nesta terça-feira, 2, as pedras colocadas em viadutos da capital paulista pela gestão do prefeito Bruno Covas (PSDB).

Crédito: Reprodução/TwitterIndignado, Padre Júlio Lancelotti tira pedras de viaduto a marretadas

Júlio Lancelotti, que é conhecido por seu trabalho social com moradores de rua e pessoas carentes, postou em sua conta no Twitter, fotos dele destruindo as pedras de paralelepípedo, com a seguinte mensagem: “Derrubando as pedras embaixo do viaduto a marretadas”. Em outra publicação ele disse: “Indignação diante da opressão. Marretada nas pedras da injustiça”.

Segundo o Padre Júlio Lancelotti, sua atitude foi por indignação com a ação promovida pela Prefeitura de São Paulo que, na semana passada, instalou pedras pontiagudas embaixo de um viaduto no bairro do Tatuapé, Zona Leste da cidade, para evitar que moradores de rua colocassem colchões no local.

Após a repercussão negativa da medida, a Prefeitura informou ter exonerado o funcionário responsável pela obra e prometeu retirar as pedras.

Compartilhe:

?>