Últimas notícias:

Loading...

Livro da Universal trata religiões afro como ‘seitas demoníacas’

Mais de 21 mil pessoas já assinaram o documento no Avaaz. O objetivo é alcançar 30 mil

Por: Redação

Uma petição que circula pela internet tenta barrar a distribuição do livro “Orixás, Caboclos e Guias: Deuses ou Demônios?” (1997), do bispo Edir Macedo, o fundador da Igreja Universal.

O livro foi relançado na última sexta-feira, 2 — num momento em que proliferam os ataques de terrorismo contra terreiros em todo o país. A informação é da coluna do Ancelmo Gois.

Crédito: ReproduçãoLivro do bispo Edir Macedo, da Igreja Universal, é alvo de ação desde 2005

Mais de 21 mil pessoas já assinaram o documento no Avaaz. O objetivo é alcançar 30 mil.

A obra é alvo de ação movida pelo Ministério Público Federal na Bahia, mas até hoje está parada na Justiça Federal.

À época, os argumentos utilizados pelos procuradores Sidney Madruga e Cláudio Gusmão davam conta de que a obra, além de preconceituosa e discriminatória, “dedica quase que a totalidade de suas páginas a promover ofensas às religiões afro-brasileiras”.

Segundo o MPF, trechos da publicação tratam as religiões de origem africana como “seitas demoníacas”, “modo pelo qual o demônio age na Terra” ou “canais de atuação dos demônios”.

Nos autos, os procuradores afirmam que o bispo responsabiliza a umbanda, o candomblé e a quimbanda “pela destruição do ser humano” e pelo “uso de entorpecentes