Lula processa mulher que comemorou a morte de seu neto

Alessandra Strutzel classificou a morte do neto de 7 anos do ex-presidente como “uma notícia boa” em um de seus posts

Por: Redação Comunicar erro

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) abriu um processo por danos morais contra Alessandra Strutzel, mulher que comemorou a morte de seu neto, Arthur, de sete anos, que faleceu em março último. Preso desde abril do ano passado, Lula pede R$ 50.300,00 de indenização.

Alessandra Strutzel classificou a morte do neto de 7 anos do ex-presidente como “uma notícia boa” em um de seus posts processados.

Lula processo morte neto
Crédito: Reprodução/FacebookLula processa mulher que comemorou a morte de seu neto

Em outro, ela compartilhou uma foto de Lula saindo da carceragem da PF (Polícia Federal) de Curitiba para acompanhar o velório de Arthur, realizado em São Paulo. “Se nem triste ele está, por que eu estaria?”, escreveu Alessandra em uma imagem na qual Lula aparece sorrindo.

Lula processo morte neto
Crédito: Reprodução/FacebookLula processa mulher que comemorou a morte de seu neto

O ex-presidente teve autorização judicial para deixar a prisão na Polícia Federal, em Curitiba, para acompanhar o velório do neto, em São Paulo.

Nos comentários do post com a foto de Lula indo ao velório, ela escreveu: “Lula adorou o banho de sol kkkkkkk Agora vai ter que esperar a morte de outro parente”.

No processo, que tramita no Tribunal de Justiça de São Paulo, os advogados de Lula alegam que Strutzel ironizou a morte da criança. Eles ainda consideram a hipótese de o perfil ser fake e para esclarecer a dúvida, pedem os IP’s utilizados para logar naquele perfil.

“A publicação em análise atribui ao evento morte do neto do Requerente à categoria de ‘Pelo menos uma notícia boa’. E mais, pega-se foto absolutamente descontextualizada para atribuir ao Requerente uma ausência de sentimentos”, afirma a ação promovida por Lula.

“A ação praticada pela Requerida atentou contra direito fundamental garantido pela Constituição da República, o que causou sérios danos à imagem, à dignidade, à honra e ao decoro do Requerente, notadamente pela grande repercussão nacional após a publicação intencional da matéria nas redes sociais”, complementou.

‘Vakinha’

Alessandra criou uma vaquinha nas redes sociais para conseguir pagar a indenização, mas, até o momento, não conseguiu nem um centavo.

“Preciso de ajuda em qualquer quantia pra me ajudar no processo que o ex presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva, moveu contra minha pessoa por conta de um comentário isolado. Estou desesperada, tenho mãe acamada, me arrependi. Preciso levantar essa grana urgente”, postou em seu Facebook.

Amadas e amados.Preciso de ajuda em qualquer quantia pra me ajudar no processo que o ex presidente da República, Luis…

Posted by Alessandra Strutzel on Friday, August 16, 2019

Mas na descrição da vaquinha ela não aparece arrependida. Strutzel fala em “vencer o PT” junto do grupo do Facebook LDRV e ao grupo Ilha da Macacada, famoso por posts preconceituosos. “Galera, preciso provar que podemos juntos vencer o PT. Me ajudem por favor… Peço ajuda a todos meus fãs, aos membros do LDRV em especial e ilha da macacada”, diz a descrição.

Lula processo morte neto
Crédito: ReproduçãoNa descrição da vaquinha ela não aparece arrependida

NOVA VERSÃO

Após a ‘vaquinha’ online criada, Alessandra deu uma “nova versão” sobre o comentário que gerou a ação. Em um post publicado na manhã desta quarta-feira (21), o perfil afirmou que o comentário “infeliz foi apenas uma pesquisa para saber a opinião das pessoas”.

Pelas crianças DOU MINHA VIDA, GRAÇAS A DEUSAquele comentário infeliz foi apenas uma pesquisa para saber a reação das pessoas. E estou muito orgulhosa da humanidade de vocês 🌷

Posted by Alessandra Strutzel on Wednesday, August 21, 2019

1 / 8
1
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
2
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
3
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
4
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
5
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …
6
06:21
Prefeito do Rio censura HQ dos Vingadores por conta de beijo gay
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, mandou recolher todos os exemplares do gibi “Vingadores – A Cruzada das …
7
04:35
Facada em Bolsonaro completa um ano com mais uma cirurgia
O presidente Jair Bolsonaro, comemorou junto à imprensa nesta sexta-feira, 6, o que chamou de “aniversário” de um ano da …
8
10:37
Entenda a mente do Bolsonaro por Alexandre Frota e Fernando Holiday
Os deputados, ex-aliados do governo Bolsonaro, Alexandre Frota (PSDB) e Fernando Holiday (DEM) estiveram na Catraca Livre e falaram sobre …