Marcos Valério diz que Lula é um dos mandantes da morte de Celso Daniel

Ex-prefeito de Santo André foi morto a tiros depois de ser sequestrado em 2002

Por: Redação

O empresário Marcos Valério, operador do mensalão, revelou em depoimento ao Ministério Público de São Paulo que os ex-presidente Lula é um dos mandantes da morte do ex-prefeito de Santo André, Celso Daniel.

No depoimento, obtido com exclusividade pela revista Veja, Marcos Valério contou que o ex-deputado federal do PT Professor Luizinho “lhe confidenciou que Celso Daniel topou pagar com recursos da prefeitura a caravana de Lula pelo país, antes da eleição presidencial de 2002, mas não teria concordado em entregar a administração à ação de quadrilhas e àqueles que visavam ao enriquecimento pessoal”.

Crédito: Reprodução/VejaReprodução do trecho do depoimento do empresário Marcos Valério

Ainda de acordo com reportagem, o empresário disse que, “depois de pagar a chantagem de Ronan Maria Pinto, conversou sobre o assunto com o próprio Lula. O promotor Roberto Wider quis saber de Valério se ele conversou com Lula sobre esse episódio. O empresário disse que sim. ‘Eu virei para o presidente e falei assim: Resolvi, presidente. Ele falou assim: Ótimo, graças a Deus’”.

Celso Daniel foi morto a tiros depois de ser sequestrado em 2002. O crime chocou o país à época. A polícia sempre tratou o caso como um crime comum: extorsão mediante sequestro, seguido de morte. Já familiares afirmam desde o início do caso que a morte do prefeito é um crime político em torno de um esquema de propina em Santo André que era do conhecimento da cúpula petista.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.