Massacre em Suzano aumenta discussão sobre armamento de Bolsonaro

Ao menos seis pessoas foram assassinadas no massacre de Suzano

Por: Redação | Comunicar erro
Suzano Bolsonaro
Crédito: reproduçãoMassacre de Suzano reacende discussão sobre lei de armamento de Bolsonaro

Ao menos 6 pessoas foram mortas e outras 17 ficaram feridas na Escola Estadual Raul Brasil na manhã desta quarta-feira, 13, segundo informações da Globo News. Os atiradores seriam dois adolescentes, que se suicidaram em seguida.

Um funcionário da instituição de ensino estaria entre as vítimas, de acordo com a Record TV.

O massacre aumentou a discussão sobre a lei de armamento proposta pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Enquanto parte da população defende que os jovens não deveriam dispor de armas no momento, outra parte acredita que funcionários da escola deveriam estar armados para evitar os disparos e as mortes.

Compartilhe:

1 / 8
1
02:09
Maioria reprova mudanças para o trânsito propostas por Bolsonaro
De acordo com uma pesquisa Datafolha, divulgada neste domingo, dia 14, a maioria da população reprova o projeto de lei …
2
02:00
Jair Bolsonaro volta a defender filho Eduardo na embaixada nos EUA
Alvo de críticas desde a última semana por indicar Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos, …
3
04:13
Eduardo Bolsonaro ganha bolsa embaixada de seu pai
O presidente Jair Bolsonaro disse em entrevista que pretende indicar seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, como embaixador do …
4
06:27
Previdência: entenda como pode ficar a sua aposentadoria
A Câmara dos Deputados aprovou com 379 votos o texto-base da reforma da Previdência. No entanto, a proposta ainda pode …
5
01:58
Desastre na Bahia: Barragem se rompe e moradores deixam suas casas
Uma barragem se rompeu na cidade de Pedro Alexandre, a 435 quilômetros de Salvador, na Bahia, na manhã desta quinta-feira, …
6
16:59
Glenn no Senado: confira os principais momentos do depoimento
O jornalista Glenn Greenwald, editor do portal The Intercept Brasil, foi ao Senado prestar esclarecimento sobre o vazamento das mensagens …
7
03:14
Dimenstein: Por que eu defendo a reforma da previdência?
A Câmara aprovou nesta quarta-feira, 10, o texto principal da reforma da Previdência. O placar foi de 379 votos a …
8
03:22
Dimenstein: por que eu defendo Tabata Amaral?
Em meio à polêmica envolvendo a votação pela reforma da Previdência, que aconteceu nesta quarta-feira, 10, no plenário da Câmara, …