Médica picada por cobra em cachoeira em MT está na UTI

Dieynne Saugo foi submetida a uma traqueoscopia após ter 70% das vias aéreas comprometidas

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A médica Dieynne Saugo, picada duas vezes por uma cobra jararaca durante banho em uma cachoeira de Nobres (MT), foi submetida a uma traqueoscopia após ter 70% das vias aéreas comprometidas.

A informação foi anunciada pela irmã em publicação no Instagram da médica, que está internada na UTI do Hospital Municipal de Cuiabá, na capital mato-grossense.

Médica picada cobra
Crédito: Divulgação A médica Dieynne Saugo foi picada duas vezes por uma cobra jararaca durante banho em uma cachoeira de Nobres

De acordo com a família de Dieynne, o médico deu duas opções para melhorar a respiração da paciente. Uma era a traqueoscopia e a outra a entubação.

“Como a entubação teria um risco muito alto dela desenvolver pneumonia (que não é nada bom nesse momento), optamos pela traquio, por uma questão de precaução, para não ter que acabar tendo que fazer algum procedimento com urgência”, disse a irmã no texto publicado na rede social.

Conhecida como ‘Dra Fit’, Dieynne foi surpreendida pela serpente venenosa enquanto se banhava na cachoeira Serra Azul.

Vídeos que circulam na internet registraram o momento em que a cobra despencou com a queda d’água da cachoeira e atingiu a médica que estava logo abaixo.

Em uma das imagens é possível ouvir a Dieynne pedindo socorro. Já em outro, a cobra jararaca está em cima de uma pedra em posição de dar o bote.

médica
Crédito: Reprodução/InstagramA médica Dieynne Saugo está internada na UTI do Hospital Municipal de Cuiabá

Em nota ao G1, o Parque Sesc Serra Azul informou que a equipe de saúde da pousada foi chamada imediatamente, deu todas as orientações e está acompanhando o caso desde então. Além disso, uma enfermeira e um médico do Sesc Pantanal acompanham o caso desde domingo.

Compartilhe: