Morte em massa de mais de 350 elefantes é investigada em Botsuana

A causa ainda é desconhecida

Centenas de elefantes foram encontrados mortos em Botsuana, na África Austral. As primeiras mortes foram registradas em maio, quando 169 morreram em um curto período no Delta do Okavango, um habitat de vida selvagem pantanoso. Nos meses seguintes, mais mortes foram registradas e já somam mais de 350 elefantes encontrados sem vida. A causa ainda é desconhecida.

Elefanta Teresita morre no zoo de SP após anos de sofrimento

National Park Rescue

A maior parte dos cadáveres foi encontrada próximo de fontes de água. Devido aos bloqueios feitos no país para impedir a propagação da covid-19, não foram realizados testes para identificar a presença de doenças ou substâncias tóxicas. Especialistas temem que os animais tenham sido envenenados com cianeto, mas autoridades não divulgaram se alguma presa foi levada.

Confira o final desta história e outras notícias inspiradoras sobre animais na ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais).

Em parceria com ANDA

Agência de Notícias de Direitos Animais e maior portal de notícias sobre animais do mundo.

Compartilhe:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário ANDA

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.