CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Mulher é presa após decepar o pênis do amante que vazou vídeos íntimos

Brenda enganou o amante e vendou seus olhos para um "jogo erótico" antes de cometer o crime

Por: Redação

Uma mulher argentina de 28 anos cortou o pênis e os testículos do amante com uma tesoura. Brenda Micaela Barattini foi condenada por júri popular por unanimidade a 13 anos de prisão, além de multa no valor de US$ 493.665 à vítima.

mulher pênis amante vídeos íntimos
Crédito: Reprodução/InstagramMulher é presa após decepar o pênis do amante que vazou vídeos íntimos

O crime aconteceu em novembro de 2017, na cidade de Córdoba, e Brenda aguardava julgamento presa. Sergio era casado com outra mulher e passou por diversas cirurgias de reparação.

Sergio afirmou que na noite do dia 25 de novembro de 2017, Brenda o enganou, vendou seus olhos em um “jogo erótico” e usou a tesoura de jardinagem para cortar seu pênis e testículos. Ele disse que foi ajudado por vizinhos que ouviram seus gritos. A pena do júri foi considerada alta pela defesa. O fato de o homem estar vendado foi um agravante para o cálculo da pena.

Em um primeiro momento, Brenda alegou ter sofrido ataque sexual pelo ex-amante. Ao juri, ela afirmou que a motivação foi pelo fato de Sergio ter exposto publicamente vídeos de sexo e imagens íntimas dos dois. “Ele me transformou em um objeto sexual. Violou a minha privacidade e destruiu a minha carreira. Fiquei arruinada”, afirmou a mulher.

Os familiares de Brenda se surpreenderam com o tamanho da pena. Os advogados acreditavam em algo como 3 a 10 anos presa. Na hora que saiu a sentença, a mãe de Baranttini gritou: “Merda, merda, merda”.

A mulher se mostrou arrependida. “Eu ferrei minha vida. Nunca quis matar alguém. Não era minha intenção e peço que seja feita justiça. Sinto muito pelo que fiz. Eu quero continuar com minha vida normal”, relatou Brenda.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.