O que a propaganda da Gillette nos diz sobre masculinidade tóxica

Campanha oferece uma reflexão sobre a geração de homens que a sociedade deveria construir

Por: Redação | Comunicar erro

A discussão sobre machismo está cada vez mais presente nas redes sociais, mas, quando debatemos essa pauta, normalmente falamos sobre como a sociedade patriarcal é maléfica para as mulheres. Nesta semana, a Gillette — marca muito associada ao sexo masculino — quis fazer diferente e trouxe para o debate uma outra questão: a masculinidade tóxica.

Em sua nova campanha “The Best Men Can Be” (“O Melhor que os homens podem ser”, em tradução livre), a Gillette propõe uma mudança de costumes em relação à masculinidade agressiva, com situações que envolvem machismo, bullying e assédio sexual. A iniciativa, que poderia ser um verdadeiro marco para uma mudança de comportamento, fez exatamente o contrário. Muitos homens criticaram a propaganda, com reações negativas e até ameaças de boicote a marca.

A grande pergunta é: mas por quê?

Parece que os homens ainda não entenderam que a masculinidade tóxica é um mal para todos, não apenas para as mulheres. A pressão da sociedade para que a figura masculina seja o provedor, não chore, não demonstre fraqueza, seja mulherengo, etc. também é extremamente perigosa para a saúde mental dos caras. Mas, ao invés de refletirem e buscarem uma mudança, eles criticam quando alguém tenta trazer a questão à tona. Enxergam como um ataque pessoal, uma grande ofensa e logo começam com aquele de papinho “ah, mas nem todo homem…”. As pessoas acharam que aquela propaganda quis dizer que todos os homens são abusivos, violentos, quando, na verdade, a mensagem não é essa.

Continue lendo aqui: O que a propaganda da Gillette nos diz sobre masculinidade tóxica

Texto escrito por Ana Clara Barbosa e publicado no Superela

Compartilhe:

1 / 8
1
03:46
‘Pretendo beneficiar um filho meu, sim’ diz Bolsonaro sobre embaixada
Em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a nomeação de seu filho, …
2
03:15
Num ato de coragem, MBL pede desculpas publicamente
O jornalista Gilberto Dimenstein e a Catraca Livre já foram diversas vezes vítimas das milícias digitais do MBL com as …
3
03:04
O real motivo do ataque de Bolsonaro ao filme de Bruna Surfistinha
Jair Bolsonaro decidiu atacar o filme realizado por Deborah Secco sobre a ex-prostituta Bruna Surfistinha. Motivo oficial: o filme, usando …
4
02:13
Entenda os desdobramentos do caso Tabata Amaral no PDT
O PDT suspendeu a deputada federal Tabata Amaral e outros sete parlamentares que votaram a favor da reforma da Previdência, …
5
02:03
Incêndio em estúdio de animação em Japão deixa dezenas de mortos
Dezenas de pessoas morreram durante um incêndio criminoso que tomou conta do estúdio de animação da Kyoto Animation, na cidade …
6
02:19
Barragem abandonada corre risco de rompimento no interior de SP
Uma matéria publicada pelo G1 alerta para o risco de rompimento da barragem de água em Iaras, no interior de …
7
02:30
O que significa a gargalhada de Caetano Veloso?
Um vídeo do cantor Caetano Veloso gargalhando está viralizando nas redes sociais. O motivo da piada é a entrevista que …
8
01:51
Site ‘Não me Perturbe’ permite bloquear ligações de telemarketing
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) lançou o Não me Perturbe, site que permite bloquear ligações de telemarketing. O sistema …