Pais fazem alerta na web após filha morrer ao inalar desodorante

"Ela, criança inocente, colocou o desodorante direto na boca e desmaiou, tendo parada cardíaca em sequência", diz o post da família

Por: Redação
A família publicou um alerta nas redes sociais após o caso

Adrielly Gonçalves, de apenas 7 anos de idade, morreu depois de inalar desodorante aerosol enquanto participava de um desafio compartilhado nas redes sociais. O caso ocorreu neste sábado, dia 3, em São Bernardo do Campo, São Paulo. A família tentou socorrer a criança, mas ela chegou morta à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

No “desafio do desodorante”, as pessoas são levadas a inalar o produto durante o maior tempo que aguentarem. Agora, a família de Adrielly está usando as redes sociais para alertar sobre o perigo de menores de idade reproduzirem ações divulgadas na internet.

“Ela, criança inocente, colocou o desodorante direto na boca e desmaiou, tendo parada cardíaca em sequência”, diz o texto publicado por parentes da garota no Facebook.

A menina estava brincando em casa quando espirou o spray na boca e segurou o ar. De acordo com a tia e madrinha de Adrielly, Lásara de Oliveira, a sobrinha assistiu a um vídeo na web que mostrava uma pessoa ensinando o desafio.

“Gostaria de alertar aos pais que fiquem de olho nos conteúdos que os filhos pesquisam na internet”, afirma. “Peço que rezem, orem pela mãezinha dela, Marcia Gonçalves, pois ela está desolada uma tristeza que espero que nem uma mãe pai familiar venha passar”, completa.

Veja o post:

https://www.facebook.com/sheila.cristina.9480111/posts/1429019777220570

  • Leia mais:

Compartilhe: