Pelo Facebook, Jair Bolsonaro defende uso de arma de fogo para conquistar liberdade

Sobre a questão da liberdade nos dias atuais, o deputado federal ressaltou "você só pode garantir caso possua uma arma, pois caso contrário ninguém te respeita”

Por: Redação

Um levantamento recente divulgado pela Unesco revela que 42. 416 pessoas morreram em 2012 vítimas de armas de fogo no Brasil. Em média, 116 mortos por dia. Os números fazem parte do estudo “Mortes Matadas por Armas de Fogo”, divulgado em maio deste ano.

Apesar disso, o deputado federal Jair Bolsonaro (PP), que nos últimos anos tem conquistado espaço e voz entre camadas mais conservadoras do país, recentemente afirmou pelo Facebook que “você só pode garantir (liberdade) caso possua uma arma, pois caso contrário ninguém te respeita”. O tweet ganhou destaque na página do documentário “Quebrando Tabu” .

Reprodução
Postagem gerou polêmica entre internautas nas redes sociais

A postagem ganhou repercussão na internet nos últimos dias e tem gerado debate sobre a questão da posse de armas no Brasil, dividindo opiniões.

Filho de peixe…

Em novembro de 2014, o filho de Jair Bolsonaro, Eduardo, deputado federal (PSC), foi flagrado armado em manifestação contra a presidente Dilma Rousseff ocorrida na Avenida Paulista. A imagem revela uma arma na cintura, modelo Glock 9mm. Em entrevista, ele alegou possuir porte legal de arma e por ser policial federal é seu dever se proteger contra qualquer risco.

Compartilhe: