Qual a diferença entre cantada e assédio _ e por que isso importa

Texto escrito por Marcela de Mingo e publicado no Superela

Parece muito estranho que a gente ainda precise falar a diferença entre cantada e assédio, mas tudo bem. Entendemos que muita gente ainda está aprendendo sobre as mudanças que estão rolando no mundo agora e é importante a gente explicar, quantas vezes for preciso, até que todo mundo saiba do que estamos falando.

Rolou uma confusão por causa das cartas de Danuza Leão e da atriz francesa Catherine Deneuve, em que ambas defendiam a liberdade do homem de “cantar” uma mulher na rua. Falando especificamente sobre esse assunto, já podemos definir um cara que solta um “gostosa” enquanto a mulher caminha para o trabalho, por exemplo, como assédio. Mas por quê?

No último dia 16, uma hashtag no Twitter se tornou uma das mais comentadas na rede social, justamente com usuários comentando a diferença entre cantada e assédio.  Muitos deles deixaram claro onde fica essa divergência, e tem tudo a ver com um outro assunto que já falamos muito por aqui:

A diferença entre cantada e assédio está no consentimento.

Segundo as definições oficiais da cartilha da Defensoria Pública do Estado de São Paulo, feita em parceria com a ONG Think Olga: “assédio é uma manifestação sensual ou sexual, sem o consentimento da pessoa a quem se dirige. Geralmente, são abordagens grosseiras, ofensivas e propostas inadequadas que constrangem, humilham e amedrontam”.

Por que o cara que grita “gostosa” na rua é um assediador?

Continue lendo aqui: Qual a diferença entre cantada e assédio? (e por que isso importa)

Compartilhe:

1 / 8
1
11:47
Não é Não: tatuagens contra o assédio no Carnaval
Luka Campos, idealizadora da campanha Não é Não, foi a convidada pelo programa Entrevista por Catraca Livre desta semana para …
2
01:40
Desvio em fundos de incentivo para mulheres
O Supremo Tribunal Federal e Tribunal Superior Eleitoral determinaram que 30% dos fundos públicos de financiamiento de campanhas sejam destinados …
3
15:17
Sai Jean Wyllys, entra David Miranda
David Miranda, substituto de Jean Wyllys como deputado federal, é o convidado de estreia do programa Entrevista por Catraca Livre. …
4
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que flexibiliza a posse de armas no Brasil. …
5
01:27
Rosa para meninas e azul para meninos?
Ao longo da história muita coisa mudou, inclusive a forma como meninos e meninas eram vestidos. No século XVIII, por …
6
01:38
O que é e o que faz o COAF?
O Conselho de Controle de Atividades Financeiras é um órgão de inteligência do governo federal, criado em 1998, para combater …
7
01:51
Brumadinho e a situação das barragens de rejeito no Brasil
De acordo com informações da Agência Nacional de Água (ANA), existem mais de 24 mil barragens no Brasil. Desse total, …
8
01:37
Saiba o que muda com o novo decreto de posse de armas
Conforme prometido durante a campanha eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro assinou na manhã desta terça-feira, 15, o decreto que flexibiliza a …