Repórter Bruna Drews desabafa após processar Datena por assédio

Jornalista revelou o motivo pelo qual resolveu fazer a denúncia

Por: Redação | Comunicar erro

Bruna Drews usou seu perfil no Instagram nesta sexta-feira, 18, para publicar um desabafo após vir à tona publicamente a sua acusação de assédio sexual contra José Luiz Datena.

“Estou do lado da verdade! Consciência limpa e tranquila! Faço isso por todas as mulheres que são obrigadas a passar por isso diariamente”, declarou a jornalista, ao compartilhar uma imagem do movimento “Meu Com Uma, Mexeu Com Todas”.

bruna drews datena assédio sexual
Crédito: Reprodução/InstagramBruna Drews usou o Instagram para responder mensagens de apoio dos fãs após revelar acusação de assédio sexual de Datena

Não demorou muito para que a ex-repórter do “Brasil Urgente” recebesse uma enxurrada de comentários de apoio dos seguidores. “Parabéns pela coragem, Bruna. Eu também ficava constrangida de ouvir todos aqueles ‘elogios’ pela TV. Sempre achei exagerados demais”, comentou uma internauta. “Me constrangia muito também. Infelizmente aguentava porque precisava do salário. Mas finalmente tomei coragem! Obrigado pela força, de coração!”, respondeu a jornalista.

De acordo com o site “Notícias da TV”, a ex-repórter do “Brasil Urgente”, da Band, afirmou que o apresentador teria lhe dito que ela não precisava emagrecer porque já “era muito gostosa”, que diversas vezes teria “se masturbado pensando nela” e que achava “um desperdício” a profissional “namorar uma mulher”.

A Band, que também está sendo processada por Bruna sob alegação de que foi conivente com Datena, disse em comunicado que não pode se manifestar sobre o assunto.

O apresentador, por sua vez, negou qualquer tipo de assédio. “Na comemoração, repeti a ela que ela era muito bonita e que não precisava emagrecer, porque ela já era competente. Tirando isso, todo o resto é mentira, calúnia e delírio”, disse à publicação.

Compartilhe:

1 / 8
1
08:30
Intercept: os principais pontos do depoimento de Moro no Senado
O ministro da Justiça, Sergio Moro, prestou esclarecimentos em audiência na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça do Senado) sobre …
2
04:04
E se Carlos Bolsonaro fosse gay?
O ex-deputado Jean Wyllys fez uma série de posts em sua rede social apontando que Carlos Bolsonaro, o filho 02 …
3
03:02
Empresas usaram disparos no WhatsApp durante eleição de Bolsonaro
Uma reportagem publicada pela Folha de S. Paulo mostra que empresas brasileiras contrataram uma agência de marketing na Espanha para …
4
01:49
Senado diz não e derruba o decreto de armas de Bolsonaro
O Senado votou na terça-feira, 18, o parecer que pede pela suspensão dos decretos que flexibilizam o porte e a …
5
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
6
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
7
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …
8
03:04
Entendas os possíveis impactos do vazamento das mensagens de Moro
O site The Intercept Brasil divulgou trechos de mensagens trocadas entre o então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, …