Revista ‘AzMina’ estreia novo conceito de conteúdo para mulheres

Por: Redação | Comunicar erro

Após arrecadar R$ 50 mil em uma campanha de financiamento coletivo, a revista digital ‘AzMina‘, feita para mulheres de A a Z, é lançada nesta terça-feira, dia 1º de setembro. Dirigida pela jornalista Nana Queiroz, criadora do movimento #nãomereçoserestuprada e autora do livro “Presos que Menstruam“, a publicação visa dar voz às mulheres que não se sentem representadas pelas revistas femininas atualmente no mercado.

“As revistas tradicionais fazem com que as leitoras se sintam feias, inadequadas e presas no corpo errado”, diz Nana. O conteúdo da revista passará longe dos manuais do tipo “35 dicas para enlouquecer seu homem na cama”. Segundo a jornalista, a ideia não é dizer às mulheres o que fazer, mas sim dar ferramentas para que elas se empoderem e se transformem na melhor versão de si mesmas.

Divulgação/AzMina
As matérias da primeira edição destacam os feitos de mulheres inspiradoras

As matérias da primeira edição destacam os feitos de mulheres inspiradoras, como Sochua Mu, uma ativista cambojana que ajudou a eleger outras 900 mulheres. Mas o destaque de estreia é uma grande reportagem investigativa, feita na China, sobre as condições precárias de trabalho em fábricas de roupas que fornecem para as redes mundiais de fast fashion.

‘AzMina’ será também a primeira revista feminina a contemplar lésbicas e o público transgênero. Luisa Marilac assina a coluna “Mulher, Trans”. Ela começa conversando com mães de travestis que sofrem com o preconceito e violências a que são submetidas suas filhas.

Divulgação/AzMina
AzMina visa dar voz às mulheres que não se sentem representadas pelas revistas femininas

A revista inaugura um novo modelo de negócio que deve garantir liberdade editorial à primeira revista feminina sem fins lucrativos do mercado. A ideia é apostar em um modelo de captação misto, em que crowdfundings contínuos, editais, fundos de ONGs de estímulo ao empoderamento feminino e anúncios “amigos da mulher” dividam a conta.

‘AzMina’ terá também uma loja virtual com camisetas, porta-cervejas e outros itens. Para saber mais, entre em contato pela página no Facebook ou pelo e-mail nana.queiroz@azmina.com.br.

Divulgação/AzMina
O destaque é uma grande reportagem investigativa feita na China

Compartilhe:

1 / 8
1
04:12
Netflix: ‘The Family- Democracia Ameaçada’ revela grupo secreto
A minissérie "The Family: Democracia Ameaçada", que pode ser vista na Netflix, mostra questões que te farão pensar em uma …
2
02:29
Operação Lava Jato ignora repasse suspeito de Paulo Guedes
Uma reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo mostra que a Operação Lava Jato poupou o ministro da Economia, …
3
02:40
Partículas de queimadas são encontradas em água de chuva em SP
O fenômeno que atingiu São Paulo na última segunda-feira, 19, e transformou o dia em noite em diversas regiões do …
4
03:36
Nem os eleitores de Bolsonaro concordam com a indicação de Eduardo
Em meio às polêmicas que dão o tom nos primeiros oito meses do governo Bolsonaro, uma pesquisa recente mostra que …
5
02:07
Catraca Livre e MBL promovem debate sobre a política nacional
Para fortalecer a construção de um debate democrático, a Catraca Livre vai promover, nesta sexta-feira, dia 23, às 12h30, um …
6
05:46
Os melhores tipos de música que ajudam na gravidez
A partir do sexto mês de gestação, a criança já tem audição definida. Quais são os estímulos e efeitos que as …
7
03:26
Frota reconhece uso de ‘fake news’ na eleição de Bolsonaro
Na última edição do Roda Viva, da TV Cultura, o deputado federal Alexandre Frota (PSL) revelou que sabia sobre o …
8
04:24
Jatinhos: Bolsonaro ataca Huck, mas não fala nada de Hang
Após receber críticas de Luciano Hulk, o presidente Jair Bolsonaro resolveu mostrar o financiamento que o apresentador  recebeu do BNDES …