CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

RS: Jovem invade escola e fere com machado estudantes e professora

"Quando começou a atacar, o professor veio e conseguiu tirar a machadinha dele", conta aluno da escola de Charqueadas.

Por: Redação

Um jovem invadiu uma escola e feriu com um machado seis estudantes e uma professora, em Charqueadas, na região metropolitana de Porto Alegre, no começo da tarde desta quarta-feira, 21.

Segundo a Brigada Militar o adolescente fugiu após os ataques no Instituto Estadual Educacional Assis Chateaubriand, mas foi localizado cerca de duas horas e meia depois ao atentado. O local onde o suspeito foi detido e seu nome não foram divulgados pela polícia.

jovem escola machado estudantes
Crédito: Reprodução/Facebook@talisferreirinhaRS: Jovem invade escola e fere com machado estudantes e professora

De acordo com a Polícia Civil, foram feridos dois meninos e uma menina tem 14 anos, uma garota de 13 anos e duas de 12 anos. A idade da professora não foi informada. Ainda segunda os policiais, as vítimas não tiveram ferimentos graves e foram encaminhadas ao Hospital de Charqueadas. Elas não correm riscos.

A Secretaria de Educação informou que a direção da escola confirmou que o adolescente que praticou o crime não é aluno da instituição. Ainda segundo a escola, o jovem usou um coquetel molotov no ataque.

O delegado Marco Aurélio Schalmes, da Polícia Civil de Charqueadas, afirmou ao portal ‘G1’ que “o criminoso entrou pelos fundos do colégio e foi direto para uma das salas de aula. Lá, lançou o coquetel molotov, que não chegou a ferir ninguém, e em seguida passou a golpear alunos com uma machadinha”.

Ainda segundo o delegado, um professor de educação física percebeu a movimentação e entrou na sala. “Quando começou a atacar, o professor veio e conseguiu tirar a machadinha dele”, contou um estudante da escola de Charqueadas.

Porém, o autor do crime conseguiu se desvencilhar e fugiu pulando um muro na parte da frente da escola.

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), informou que o vice, Ranolfo Vieira Júnior, foi ao colégio.

Suzano

No dia 13 de março, um adolescente e um jovem encapuzados atacaram a Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano (SP). Eles mataram sete pessoas (cinco alunos e duas funcionárias) e logo depois um dos assassinos atirou no comparsa e, então, se suicidou. Momentos antes do massacre, a dupla assassinou, também, o proprietário de uma loja da região. Os criminosos eram ex-alunos da escola.

1
Morre Gilberto Dimenstein, jornalista e fundador da Catraca Livre
É com profunda tristeza que a Catraca Livre anuncia o falecimento de seu fundador, Gilberto Dimenstein, aos 63 anos de …
2
Entenda a operação da Polícia Federal de combate às fake news
O combate às fake news ganhou um novo e importante capítulo nesta semana com a Polícia Federal realizando uma série …
3
Witzel é alvo da PF; Zambelli antecipa operação em entrevista
A Polícia Federal iniciou nesta terça-feira, 26, a Operação Placebo, que apura desvios na Saúde do Rio de Janeiro nas …
4
‘Na Fila do SUS’ retrata o sucateamento da saúde pública em plena pandemia
 'Na Fila do SUS' é uma websérie em formato original com seis episódios que estreia disponível exclusivamente, na plataforma online …
5
Governo libera uso da cloroquina para pacientes em estado leve da covid-19; classe médica discorda
Após pressão do presidente Jair Bolsonaro, o Ministério da Saúde cedeu e ampliou o  protocolo para uso da cloroquina e …
6
Felipe Neto no Roda Vida: confira os principais momentos do programa
Convidado do Roda Viva, da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, 18, o youtuber Felipe Neto afirmou que faz um …
7
Flávio Bolsonaro rebate acusação feita por Paulo Marinho sobre o caso Queiroz
O senador Flávio Bolsonaro rebateu a acusação feita pelo empresário Paulo Marinho em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo …
8
Entenda os motivos do pedido de demissão do ministro da Saúde, Nelson Teich
Antes mesmo de completar um mês à frente do Ministério da Saúde, o ministro Nelson Teich pediu demissão do cargo …