Sandy conta que sofreu assédio sexual à época da dupla com Júnior

Por: Redação

Em entrevista ao portal “POPLine“, a cantora Sandy revelou ter sido vítima de assédio sexual durante a adolescência, à época em que viajava o Brasil para fazer shows com o irmão, Júnior.

“Prefiro não descrever. Nunca foi nada muito grave de alguém chegar pegando, encostando, sei lá, mas já me senti assediada até no palco por gente que grita coisas enquanto você está se apresentando. Pessoas bêbadas e tudo mais”, disse a artista.

Sandy também afirmou que se considera feminista
Sandy também afirmou que se considera feminista

“Principalmente quando eu fazia festas muito grandes, tipo festa do peão e feiras agropecuárias. Eram sempre lugares muito cheios e eu ainda muito nova, com 12, 13 anos, já ficava escutando tudo quanto é coisa que eles gritavam. Ainda muito nova mesmo”, completou.

Sandy também afirmou que se considera feminista. “Ideologicamente, sim. Nunca fui ativista de nada, na real, mas eu me considero feminista com certeza. Apoio vários movimentos”, declarou.

A cantora ainda falou sobre a criação de seu filho e os cuidados para que ele cresça sem preconceitos. “Estou tentando fazer a minha parte para nunca deixar o Theo ser influenciado por esse tipo de coisa. Só influência positiva para que ele sempre enxergue as pessoas como pessoas iguais – independente de sexo, cor, raça, independente de tudo.”

Leia a entrevista na íntegra neste link.

  • Veja também:

Compartilhe: